Décio Solano quer ampliar atuação em questões sociais e regularização fundiária

O candidato defende um conjunto de propostas nos setores do campo e da cidade

22/10/2020 10:01h

Compartilhar no

O candidato a vereador pelo PT, Décio Solano, afirma que fez muito como vereador de Teresina e pretende fazer muito mais caso seja eleito nestas eleições. Para isso, vemdefendendo um conjunto de propostas que contemplam setores do campo e da cidade, passando pelas áreas de saúde, juventude, lazer, social, questão fundiária e empreendedorismo.

Na área de saúde animal, o candidato petista defende a criação de uma clínica animal. Isso porque, segundo ele, mais de 50% dos lares teresinenses possuem um animal de estimação. "Está na hora de Teresina ter políticas públicas eficientes para a causa animal", destaca Décio Solano.

Candidato a vereador pelo PT, Décio Solano - Foto: Elias Fontinele/ODIA

Além dessa causa animal, Solano quer fortalecer a cultura digital nos bairros, com acesso decente ao sinal da rede, realização de cursos e espaços de uso coletivo. Para que isso seja uma realidade, está defendendo na campanha o Programa Teresina mais digital, a fim de beneficiar a juventude. Como também, defende a implantação de República Juvenil para egressos do sistema de proteção do adolescente com a intenção de auxiliar na autonomia desses jovens.

Na área de lazer, o candidato defende a ampliação das aulas de zumba gratuitas para a população, utilizando os equipamentos públicos como meio. Enquanto para idosos, tem como proposta a implantação dos Centros de Convivência, com espaços de integração com exercícios físicos adequados.

Décio Solano diz defender o fortalecimento do empreendedorismo local, com a criação de cursos de alfabetização financeira e, consequentemente, aberturas de linhas de créditos aos pequenos empreendedores, bem como implantação da Agência de Desenvolvimento local. "A questão fundiária é outra proposta importante e bandeira de luta minha, porque garantir a segurança jurídica da posse da moradia é fundamental para as pessoas de baixa renda", finaliza o candidato.

Compartilhar no
Por: Luiz Carlos de Oliveira - Jornal O DIA

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário