• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • Clínica Shirley Holanda
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

De volta à Câmara, Paes Landim deve anunciar filiação ao MDB

O experiente parlamentar vai ocupar a vaga deixada por Merlong Solano (PT), que será empossado na Secretaria de Administração.

10/06/2019 07:07h

Segundo suplente da coligação governista, Paes Landim (Sem Partido) deve retornar à Câmara Federal na próxima terça-feira, dia 11. O experiente parlamentar vai ocupar a vaga deixada por Merlong Solano (PT), que será empossado na Secretaria de Administração. Merlong, por sua vez, é o primeiro suplente da coligação e ocupava a cadeira deixada pelo titular, Fábio Abreu (PR), que atualmente comanda a Secretaria de Segurança Pública. 

Aos 82 anos, Paes Landim vai iniciar o seu nono mandato como deputado federal, um recorde na política do estado do Piauí. Depois de vencer oito eleições consecutivas, em 2018 ele ficou na segunda suplência, e assume a vaga na Câmara após um arranjo político formatado pelo governador Wellington Dias(PT). 


Aos 82 anos, Paes Landim vai iniciar o seu nono mandato - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Mudança de Partido 

Além de retornar à Câmara, Paes Landim também deve anunciar nos próximos dias a sua próxima filiação partidária. O experiente político deixou o PTB em meados de abril, após ser retirado da presidência do partido, dando lugar ao ex-senador João Vicente Claudino. Durante o processo de mudança na presidência, Landim trocou farpas e demonstrou insatisfação com o deputado estadual Nerinho(PTB). 

O destino natural de Paes Landim é o MDB, presidido no Piauí pelo Senador Marcelo Castro. As conversas com os dirigentes da sigla no estado já acontecem desde abril. A expectativa é que o anúncio oficial aconteça ainda essa semana. 

“Quero que ele venha”, diz Marcelo Castro sobre filiação de Paes Landim

O senador Marcelo Castro, presidente estadual do MDB, vê com bons olhos a possível filiação do deputado federal Paes Landim aos quadros do partido. Na avaliação do senador, Landim é uma das maiores referências da política do estado do Piauí e ainda pode contribuir com sua atuação no Congresso Nacional.

“Eu quero que ele venha. É um grande parlamentar que tem uma grande história, nove mandatos de deputado federal. Seria uma honra ter o deputado Paes Landim nos quadros do MDB”, destacou. 


Senador Marcelo Castro vê com bons olhos a possível filiação de Paes Landim aos quadros do MDB - Foto: Arquivo O Dia

Marcelo Castro é um dos principais responsáveis pelo diálogo com Paes Landim. As conversas iniciaram ainda no mês de março, após a saída do deputado do comando estadual do PTB, por conta de divergências internas. 

Além de Marcelo, outras lideranças importantes do MDB no Piauí, como presidente da Assembleia Legislativa, Themistocles Filho, apoiam a eventual chegada de Paes Landim.

Por: Natanael Souza - Jornal O Dia

Deixe seu comentário