• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Comissão parlamentar cobra reforma do Hospital Infantil de Teresina

Dentre os problemas encontrados, parlamentares destacam a falta de medicamentos e de serviços especializados.

02/07/2019 07:08h

A comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) realizou, na manhã desta segunda-feira (1), uma vistoria nas instalações do Hospital Infantil Lucídio Portella, em Teresina. Na oportunidade, os deputados que integram o grupo alertaram para a estrutura do prédio, que segundo eles, precisa de uma ampla reforma e mais investimentos.

Dentre os diversos problemas presenciados, a deputada Teresa Britto (PV) destacou a falta de medicamentos e de serviços especializados, além de enfermarias sem estrutura adequada aos pacientes e funcionários. Ela ressaltou a necessidade de uma maior atenção por parte do poder público estadual, apesar do empenho da direção.

“É preciso que haja boa vontade do governo, no sentido de disponibilizar recursos para fazer a reforma da estrutura, que é muito ruim. Não tem como ser feito por etapas, como vem sendo feito. É preciso de uma reforma grande, nos padrões do Ministério da Saúde, para dar condições de um atendimento digno aos pacientes e aos funcionários deste hospital”, declarou a presidente da comissão.


Hospital Infantil de Teresina - Foto: Elias Fontinele/O Dia

Líder da oposição na Alepi, Gustavo Neiva (PSB) corroborou com as considerações de Britto e denunciou o atraso de repasses financeiros ao hospital. “É uma estrutura antiga que necessita urgentemente de uma intervenção [...] Há um déficit mensal de R$ 500 mil. Se não corrigir esse problema, o déficit vai se acumulando e vai ter uma hora que vai entrar em colapso", disse.

Resposta da Sesapi

Questionado sobre as críticas dos deputados que integram a comissão, o secretário de Saúde do Piauí, Florentino Neto, afirmou que os deputados cumprem um importante papel de controle externo e que, segundo ele, irão nortear o trabalho e atuação da pasta na gerência dos hospitais estaduais. Ele ainda prometeu investimentos para a reforma do hospital infantil da capital. 

“Estamos neste momento com um projeto para que a gente possa fazer a licitação, estamos nos trâmites finais dos projetos complementares para que a gente possa fazer uma licitação de R$ 6 milhões, para fazermos uma grande reforma no Hospital Infantil”, finalizou.

Por: Breno Cavalcante - Jornal O Dia

Deixe seu comentário