• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Equatorial fullbanner
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

Ciro: 'Bolsonaro é bem intencionado, mas precisa garantir estabilidade'

O parlamentar afirmou que seu partido vai apoiar as reformas independentemente de cargos.

16/05/2019 08:20h

O senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, criticou as recentes instabilidades  institucionais enfrentadas na gestão do presidente da República Jair Bolsonaro. O parlamentar piauiense criticou as interferências do filósofo Olavo de Carvalho, e do filho do presidente, Carlos Bolsonaro, no governo. Para ele, apesar de demonstrar boa intenção, Bolsonaro precisa agir de forma mais eficaz para alcançar a estabilidade no Brasil. 

“Temos que tratar é da economia, focar na Reforma da Previdência, na Reforma Tributária. Acho que muda muito o foco. Fica aquela confusão daquele sujeito [Olavo de Carvalho] nos Estados Unidos falando, o filho [Carlos Bolsonaro] puxa pra um lado [...]. São situações que criam uma instabilidade no país, e é desnecessário. O presidente é um homem muito bem intencionado, mas precisa ter consciência que o presidente da República precisa dar estabilidade ao país”, avaliou Ciro Nogueira. 


Em discurso, o senador piauiense parece tentar se aproximar do presidente - Foto: Agência Senado

Apesar da postura crítica, o senador piauiense afirmou que é amigo pessoal do presidente da República e disse que vai trabalhar para que a gestão seja bem sucedida. “Tenho um respeito muito grande. Ele sempre foi um bom amigo, foi um companheiro de partido, tenho um respeito enorme pela sua trajetória de vida, tenho algumas divergências no campo da doutrina, mas é um homem muito bem intencionado. Desejamos que ele faça um grande governo, e se depender de mim ele vai fazer”, disse. 

Ministério das Cidades

Sobre a possível indicação do Progressistas para o Ministério das Cidades, que deve ser recriado nas próximas semanas, Ciro Nogueira  admite a possibilidade, mas diz que, caso aconteça, não será  um fator condicional para o apoio do partido à Reforma da Previdência. “Eu sempre defendi que nós Progressistas vamos apoiar essa reforma, independente de cargos”, garantiu. 

Por: Natanael Souza - Jornal O Dia

Deixe seu comentário