• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Bancada piauiense gastou R$ 256 mil com publicidade no 1º semestre

Os deputados federais Marcos Aurélio Sampaio e Marina Santos lideraram os gastos com divulgação de suas atividades.

27/08/2019 12:02h - Atualizado em 27/08/2019 12:18h

Segundo levantamento feito pelo O DIA, com base em dados da Câmara dos Deputados, os deputados federais da bancada piauiense gastaram R$ 256 mil com a divulgação de suas atividades no primeiro semestre de 2019. No Piauí, os deputados federais Marcos Aurélio Sampaio (MDB) e Marina Santos (PTC) lideram o ranking, com 57,7% da verba parlamentar usada no estado, com gastos no valor de R$ 75 mil e R$ 73,7 mil, respectivamente.

Além dos dois parlamentares, o secretário de Segurança Pública do Piauí, capitão Fábio Abreu (PR), afastado do mandato como deputado federal em março deste ano para assumir a chefia da pasta da Segurança Pública no Piauí, gastou R$ 42,9 mil apenas nos dois primeiros meses deste ano, sendo R$ 39,4 mil em janeiro e R$ 3,5 mil em fevereiro de 2019.

Em quarto lugar figura a deputada federal Iracema Portella (PP), com R$ 23,3 mil, e em quinto está o secretário de Administração Merlong Solano (PT), substituto do capitão Fábio Abreu na Câmara, mas que também foi afastado do cargo de deputado federal para assumir a Secretaria Estadual de Administração (Sead), com gastos de R$ 16,5 mil. Os demais deputados Átila Lira (PSB), Rejane Dias (PT) e Júlio César (PDT) tiveram gastos inferiores a R$ 10 mil reais. Os deputados Flávio Nogueira (PDT), Assis Carvalho (PT), Margarete Coelho (PP) e Paes Landim (sem partido) não aparecem na lista.

O levantamento feito pelo O DIA aponta uma redução de aproximadamente 31% dos valores utilizados em relação ao mesmo período do ano passado, quando 14 parlamentares piauienses se beneficiaram com a cota para divulgação de suas atividades no exercício do mandato. De acordo com o site da Câmara dos Deputados, de janeiro a junho de 2018, a bancada piauiense gastou R$ 371 mil com publicidade.

Os gastos com divulgação parlamentar estão inclusos na Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (CEAP), destinada ao custeio de despesas do mandato. Pela legislação, a divulgação da atividade parlamentar, exceto nos 120 dias anteriores às eleições, podem ser indenizadas. Nos casos de reembolso, os deputados têm três meses para apresentar os recibos. O valor mensal não utilizado fica acumulado ao longo do ano - isso explica porque em alguns meses o valor pode ser maior que a média mensal.

Confira a lista:

MARCOS AURÉLIO SAMPAIO: R$ 75.000,00

MARINA SANTOS: R$ 73.700,00

CAPITÃO FÁBIO ABREU: R$ 42.990,00

IRACEMA PORTELLA: R$ 23.300,00

MERLONG SOLANO: R$ 16.500,00

ÁTILA LIRA: R$ 9.632,90

JÚLIO CESAR: R$ 8.000,00

REJANE DIAS: R$ 7.860,00

Total: R$ 256.982,90

Por: Nathalia Amaral

Deixe seu comentário