Após chegada de Bolsonaro, começa a debandada do PL no Piauí

Os deputados Coronel Carlos e Dr. Hélio se reuniram na tarde da última terça com o deputado estadual Georgiano Neto, líder do PSD na Assembleia

01/12/2021 08:10h - Atualizado em 01/12/2021 08:26h

Compartilhar no

Começou a debandada do PL. Após a filiação do presidente Jair Bolsonaro ao partido, que ocorreu na manhã da última terça (29),  dois deputados estaduais já deixaram praticamente acertada a saída do partido. Os deputados Coronel Carlos e Dr. Hélio se reuniram na tarde da última terça com o deputado estadual Georgiano Neto, líder do PSD na Assembleia, em um restaurante na zona leste de Teresina, e acertaram os termos da chegada ao novo partido. Os dois inclusive  já postaram para foto ao lado de Georgiano fazendo o número do PSD, o 55, com as mãos.

O deputado federal Fábio abreu, também do PL, está próximo de um acordo com PSD, porém alguns termos dificultam o acordo com a nova legenda. A chegada dos deputados fortalece o PSD na disputa pela vaga de vice-governador na chapa majoritária governista. Pela legislação eleitoral os dois parlamentares só poderiam deixar o PL em março de 2022, quando se abre a janela partidária, a menos que a legenda conceda o direito judicial dos dois deixarem o partido. Perguntado sobre o assunto, na última segunda, o presidente do PL no estado, Fábio Xavier, foi ríspido com os jornalistas e pediu que os profissionais de comunicação “deixassem o PL de mão”

Pelas redes sociais Georgiano falou sobre o encontro:

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário