Alepi solicita abertura de processo de impeachment contra Jair Bolsonaro

O requerimento, aprovado pelos parlamentares estaduais nesta manhã, será encaminhado ao deputado Arthur Lira, presidente da Câmara Federal

15/04/2021 14:39h - Atualizado em 15/04/2021 15:09h

Compartilhar no

A Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) aprovou, em sessão plenária virtual realizada nesta quinta-feira (15), o envio de um requerimento ao presidente da Câmara Federal, deputado Arthur Lira (Progressistas-AL), solicitando que este dê prosseguimento a algum dos diversos pedidos de impeachment do presidente Jair Bolsonaro protocolados na Casa.

Plenário da Alepi (Foto: Arquivo/ODIA)

De acordo com o deputado estadual Franzé Silva (PT), autor da proposta, Bolsonaro atenta contra a sociedade, além de atentar e desrespeitar a democracia brasileira. No pedido, o parlamentar parlamentar piauiense ainda argumenta que o mandatário da República segue ignorando as normas de combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19).


Para o petista, o presidente comete “crimes de responsabilidade” diariamente. “Demonstra sua completa inaptidão para governar o país (...) O impeachment é a forma constitucional de repudiar com veemência as frequentes e grotescas manifestações antidemocráticas, como as proferidas ontem em meio a apoiadores”, pontua Franzé.

Franzé Silva (Foto: Arquivo/ODIA)


Outro a se manifestar favorável ao teor da matéria legislativa foi o deputado Hélio Oliveira (PL). Para este, "o presidente é  insensível à tragédia causada pela Covid-19” e sugeriu que somente a psiquiatria poderia explicar o comportamento de Bolsonaro diante da maior crise sanitária do país.

O requerimento da Alepi foi aprovado após Bolsonaro declarar, na última quarta-feira (14), que “o Brasil está no limite” e estar esperando “o povo dar uma sinalização para tomar uma providência”. Para o deputado estadual, a fala representa “mais uma das reiteradas ameaças à democracia, incitando violência e desrespeito aos poderes constituídos”, conclui.

Compartilhar no
Fonte: Com informações da Alepi

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário