• Campanha Mobieduca
  • Teresina shopping
  • HEMOPI - Junho vermelho
  • ITNET
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att

“Lula está de alma lavada”, diz Regina sobre diálogos vazados

A vice-governadora defende que o ministro Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnoll deveriam ser demitidos ou pedir demissão.

12/06/2019 08:14h

Ao comentar o recente episódio do vazamento de conversas entre Sergio Moro e integrantes da Força Tarefa da Lava Jato, a vice-governadora do Piauí, Regina Sousa (PT), afirmou que o ex-presidente Lula, preso em Curitiba desde abril de 2018, está de “alma lavada”. Para Regina, o processo que resultou na condenação do ex-presidente precisa ser considerado nulo, por conta de várias irregularidades. 

“Se fosse um processo normal, dentro das regras, os dois [Moro e Dallagnol] deveriam ser demitidos ou pedir demissão. O Lula está de alma lavada. Tudo que ele disse era que ia provar a inocência dele. Está provada”, avaliou Regina. 


A petista considera que o conteúdo mostra parcialidade do ex-juiz - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Ainda de acordo com a vice-governadora, o vazamento de diálogos do ministro da Justiça, Sergio Moro, então juiz federal, pode fortalecer o Partido dos Trabalhadores. Segundo ela, o episódio fortalece o discurso de que o ex-presidente Lula é um preso político. 

“O PT já vem se fortalecendo. Depois da prisão do Lula, as pessoas passaram a enxergar muitas falhas, e ver que o PT é o único partido que realmente cuidou de pobreza, dos excluídos desse país”, destacou Regina Sousa. 

Por: Natanael Souza - Jornal O Dia

Deixe seu comentário