• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

“Fica no partido quem quer”, declara Osmar Jr. sobre indefinição de Enzo

Comenta-se nos bastidores que o vereador Enzo Samuel tem sido assediado por vários partidos.

14/06/2019 07:05h - Atualizado em 14/06/2019 07:19h

A especulação sobre a possível saída de Enzo Samuel, vereador de Teresina, dos quadros de filiados do PCdoB parece não incomodar o presidente do partido no Piauí, Osmar Jr., que nesta quinta-feira (13) foi enfático ao falar sobre o assunto com a imprensa.

“Tenho dito que a pessoa, para entrar em partido, primeiro precisa querer, segundo o partido precisa aceitar. Para sair, é uma decisão pessoal, portanto fica no partido quem quer ficar, essa é uma regra democrática que sempre tratamos assim”, disparou o líder partidário.


Leia:

Ausente em plenária do PCdoB, vereador Enzo nega saída do partido 



O secretário de governo demonstrou que não se incomoda com uma possível saída do vereador - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Enzo sempre negou qualquer tentativa neste sentido, mas informações dão contas de uma possível aproximação ao PDT. O motivo seria a indefinição sobre a permanência do PCdoB na base aliada do prefeito da capital, Firmino Filho (PSDB), que tentará eleger seu sucessor nas eleições municipais do próximo ano.

A ausência do vereador, que é presidente do diretório municipal do partido, em uma plenária realizada pela sigla na última segunda-feira (10) alimentou ainda mais a discussão sobre sua permanência na legenda. “Também não participei dessa plenária, portanto continuo muito firme. Acho que a ausência dele [Enzo], e eu nem sabia, não tem nenhum significado especial”, minimizou Osmar.

Edição: João Magalhães
Por: Breno Cavalcante - Jornal O Dia

Deixe seu comentário