• Campanha Mobieduca
  • Teresina shopping
  • HEMOPI - Junho vermelho
  • ITNET
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att

“Estamos reorganizando o partido e meu nome está a disposição do PSL”

Segundo a parlamentar, a atual aliança com o prefeito Firmino Filho não será empecilho.

06/06/2019 11:24h - Atualizado em 06/06/2019 16:18h

A vereadora Teresinha Medeiros (PSL) revelou que pode ser um dos nomes da sigla para disputar a prefeitura de Teresina nas eleições municipais de 2020. Apesar de se disponibilizar, a parlamentar ressalta que a sigla tem outros bons quadros que também podem representar a legenda no pleito.

“Candidata à reeleição como vereadora ou mesmo a prefeita da cidade de Teresina, ou ainda como vice. Quando digo que estou à disposição, é para qualquer cargo. Claro que ninguém é candidato de ninguém individualmente, isso depende de pesquisas, da opinião popular e das decisões que o partido tomar”, declarou a pesselista.

Durante a inauguração da nova sede estadual do PSL no último fim de semana, o vereador Luís André, presidente do partido no Piauí, reforçou a pretensão de candidatura própria da agremiação na capital e em outros municípios piauienses.  Segundo Medeiros, a atual aliança com o prefeito Firmino Filho (PSDB) não será empecilho para isso.

“Fomos eleitos e temos o compromisso com o prefeito Firmino Filho até o próximo ano, e nós temos e somos pessoas políticas conscientes das nossas obrigações e direitos. Com certeza, tudo no momento certo será decidido”, argumenta a vereadora.

Respaldado pela figura do presidente Jair Bolsonaro, o PSL quer ampliar sua representatividade no Piauí. A expectativa do novo diretório da sigla no estado é eleger pelo menos dez prefeitos, incluindo o de Teresina, além de ampliar sua bancada de vereadores na capital.

Edição: João Magalhães
Por: Breno Cavalcante - Foto: Poliana Oliveira/ODIA

Deixe seu comentário