• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

Suspeito de agredir árbitra diz que agiu “no calor do momento”

O estudante foi ouvido nesta quinta-feira (6) pelo delegado Christian Castro e alegou não ter agredido a vítima "por ser mulher".

07/06/2019 11:21h - Atualizado em 07/06/2019 11:34h

O estudante de Engenharia, Rodrigo Quixaba, esteve na sede do 1º Distrito Policial de Parnaíba, nesta quinta-feira (6), para depor sobre a suspeita de ter agredido fisicamente com três socos a árbitra Eliete Fontenele durante uma competição esportiva na Universidade Federal do Delta do Parnaíba, Campus Ministro Reis Velloso.

Segundo informações do delegado Christian Castro, o estudante teria confessado em depoimento ter agredido a árbitra e disse ter agido “no calor do momento”. Apesar disso, Rodrigo Quixaba alegou não ter desferido os socos contra a vítima por ela ser mulher.

Após o depoimento, que durou cerca de 40 minutos, o estudante assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), registrado em casos de crimes de menor potencial ofensivo, e foi liberado pela Polícia.

Ainda de acordo com o delegado, o laudo pericial apontou ferimentos internos na região da boca da vítima e, por isso, o suspeito será indiciado apenas por lesão corporal leve. Em entrevista ao O DIA, um dia após o crime, a árbitra revelou que pretende ingressar com um processo contra o estudante por danos morais.

“Eu vou tomar todas as medidas possíveis. O que eu puder fazer para que ele seja preso, vou fazer. Ele tem que pagar pelo erro dele. Ele deveria pensar duas vezes antes de agredir alguém, ainda mais uma mulher”, disse a vítima na ocasião.

Por: Nathalia Amaral

Deixe seu comentário