• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Réu é condenado a 24 anos de prisão por feminicídio

Acusado responderá em regime fechado pelo crime de homicídio triplamente qualificado por motivo torpe, emprego de meio cruel e feminicídio.

15/09/2019 13:32h

O Tribunal do Júri condenou, na última quinta-feira (12), um homem identificado como José Elesandro Ferreira da Silva a 24 anos de reclusão pelo crime homicídio triplamente qualificado por motivo torpe, emprego de meio cruel e feminicídio


Leia mais:

Mulher é morta com 7 facadas e ex-companheiro é preso pelo crime 


O réu era acusado de ter matado a ex-esposaLucimara Gomes Ferreira Costa, na frente dos três filhos, em junho de 2018, na cidade de São Raimundo Nonato, a 522 km de Teresina.

Segundo informações do Ministério Público, a Justiça negou ao réu o direito de recorrer em liberdade, tendo o sentenciado sido preso imediatamente e conduzido à penitenciária de Vereda Grande, situada na cidade de Floriano, para início do cumprimento de sua pena.

 

A vítima, Lucimara Gomes, e o ex-companheiro condenado por feminicídio. (Foto: Arquivo Pessoal)

De acordo com a denúncia do MP, o acusado foi motivado exclusivamente por vingança, pois a vítima não aceitou uma reconciliação. O crime aconteceu presença da mãe da vítima e de seus três filhos, dos quais José Elesandro é pai. 

Na época do crime, a delegada Cíntia Verena informou ao O Dia que a vítima e o agressor chegaram a travar luta corporal, após uma discussão. Nesse momento, ele teria desferido sete golpes na região do tronco da ex-companheira.

"Em seguida, ele se autolesionou como que para manipular a cena do crime e dar a entender que a vítima o havia agredido antes", informou a delega na época.

Além da prisão, José Elesandro deverá reparar danos, em favor dos herdeiros da vítima, no valor de R$ 50 mil.

Por: Nathalia Amaral

Deixe seu comentário