• Campanha Mobieduca
  • Teresina shopping
  • HEMOPI - Junho vermelho
  • ITNET
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att

PRF recupera veículos e prende suspeitos de associação criminosa

As ocorrências aconteceram nesta segunda-feira, 03.

04/06/2019 09:52h

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou um veículo que havia sido furtado no último domingo, 02, no município de Picos. A abordagem à caminhonete S10 aconteceu na cidade Floriano às 23h42, na BR 230, Km 310. No veículo havia três ocupantes, sendo que dois deles empreenderam fuga ao avistar os agentes. Os policiais deram voz de prisão ao condutor do veículo, um homem de 40 anos.         

Dentro do carro foram encontrados documentos de um dos foragidos. Diante disso, o condutor, a documentação de um dos fugitivos e o veículo foram encaminhados à Policia Civil do município de Floriano. Eles devem responder por crime de furto qualificado de veículo e Associação criminosa.    


Foto: PRF

           

Veículo clonado foi recuperado na BR 020

Ainda na noite desta segunda-feira, 03, os agentes da PRF e da Polícia Militar, ao abordarem um veículo modelo Saveiro, em uma inspeção de rotina na BR 020, próximo a Francisco Santos, identificaram que o carro possuía registro de roubo/furto com data de 30 de julho de 2018. Ao verificarem no sistema, os agentes perceberam que a identificação do carro convergia com outra placa também com registro de roubo e furto, em 17 de janeiro de 2013. O condutor, um homem de 57 anos, informou aos agentes que o veículo era de sua propriedade.   

Neste caso, o condutor e o veículo foram encaminhados à Delegacia de Picos para responder por crime de adulteração de sinal identificador de veículo automotor e receptação.    


Foto:PRF

           

Condutor alcoolizado foi preso

Além disso, no município de Francisco Santos, agentes da PRF prenderam um homem de 68 anos que conduzia um veículo modelo S10. Ele foi abordado pelos policiais por estar dirigindo e mudando de faixa constantemente. Submetido ao teste do bafômetro, os inspetores constaram teor alcoólico de 0,95 mg/l de ar expelido pelos pulmões, um valor considerado índice de embriaguez.

Nesta situação, o condutor foi enquadrado por conduzir veículo com “capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool - Embriaguez ao Volante” e conduzido à Polícia Civil no município de Picos para os procedimentos legais.

Por: Sandy Swamy

Deixe seu comentário