• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • Clínica Shirley Holanda
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Polícia prende acusado de explodir caixa eletrônico em Aroazes

Dirceu Pereira da Silva foi condenado a 11 anos e seis meses de detenção por roubo ao Bradesco da cidade em 2013. Foragido, ele ainda cometeu outro roubo.

24/10/2019 09:16h

A Polícia Civil, por meio do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) prendeu na manhã de hoje (24) um homem identificado como Dirceu Pereira da Silva, por força de um mandado de prisão expedido pela justiça. Ele é acusado de integrar o bando criminoso que explodiu caixas eletrônicos do Banco Bradesco em agosto de 2013 na cidade de Aroazes.

Dirceu já havia sido detido no ano em que o crime aconteceu junto com mais cinco pessoas. Na ação deflagrada na época, a polícia encontrou em poder dele e dos demais integrantes da quadrilha uma submetralhadora calibre 40, uma pistola calibre 380 e várias munições. 


Dirceu Pereira da Silva - Foto: Divulgação/Polícia Civill

Ele foi indiciado por associação criminosa e roubo chegando a ser condenado a 11 anos e seis meses de detenção. “O mandado de prisão do Dirceu pelo roubo de Aroazes foi recebido agora no segundo semestre e dado cumprimento assim que conseguimos localizá-lo em um condomínio na Santa Maria da Codipi. Ele será submetido a um exame de corpo de delito e encaminhado imediatamente ao sistema prisional”, explicou o delegado Tales Gomes, coordenador do Greco.

O delegado lembra que no ano passado, Dirceu voltou a cometer novos delitos, tendo praticado um roubo na zona Leste de Teresina.

Denúncias

O Greco disponibiliza o número de WhatsApp (86) 99978-0749 como canal de denúncia. Vale lembrar que o denunciante terá sua identidade mantida sob sigilo absoluto pela polícia.

Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário