Sobe para 10 o número de presos em operação contra roubos em Teresina

Ação faz parte do Programa de Combate a Roubos, lançado na semana passada pela Secretaria de Segurança. Cinco ainda seguem foragidos.

18/09/2019 08:05h - Atualizado em 18/09/2019 10:34h

Compartilhar no

Atualizada às 10h34min

Subiu para dez o número de presos na Operação Contrassalto, deflagrada pela Polícia Civil nas primeiras horas da manhã de hoje (18). A ação faz parte do Programa de Combate a Roubos, da Secretaria de Segurança, e tirou de circulação acusados de crimes contra o patrimônio alheio, além de terem sido feitas prisões em flagrante por tráfico de drogas e homicídio.

De acordo com o delegado geral, Luccy Keiko, só na primeira semana depois do lançamento do programa, 20 pessoas já foram presas acusadas de praticarem roubos na região metropolitana de Teresina. Foram apreendidas drogas e veículos subtraídos de seus donos. 

Iniciada às 08h08min

A Polícia Civil está cumprindo na manhã desta quarta-feira (18) 13 mandados de prisão contra acusados de praticarem roubos em Teresina. Na tipificação criminal incluem-se assaltos a mão armada e furtos de veículos, celulares e outros pertences. Até o momento, oito pessoas foram presas, sendo que cinco delas foram localizadas ainda na noite de ontem e mais três na manhã de hoje.

A ação está sendo coordenada pela Gerência de Policiamento Metropolitano e envolve a participação de seis distritos policiais da Capital. Os presos estão sendo levados para a sede da Delegacia Geral, no Centro. 


Leia também:

Com 9,5 mil roubos em seis meses, Polícia lança programa de combate 


“Essa ação faz parte do Programa de Combate a Roubos que foi lançado pela Secretaria de Segurança e a Polícia Civil na semana passada e tem como foco exclusivamente os crimes contra o patrimônio alheio, mas também temos entre os presos alguns acusados de homicídio e tráfico de drogas”, explica o delegado Sebastião Alencar, gerente de polícia metropolitana.


O delegado Sebastião Alencar explica que a operação faz parte do Programa de Combate a Roubos - Foto: O Dia

O preso acusado de homicídio é um foragido da justiça, condenado a 20 anos de prisão por um assassinato cometido no Distrito Federal. A polícia não informou seu nome, mas ele foi localizado vivendo na região metropolitana de Teresina. 

As ações da polícia vão continuar durante o restante da manhã na tentativa de efetuar as cinco prisões restantes.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário