• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Polícia apreende 50 m³ de madeira sem licença ambiental em Valença

Carga seguia de Itaituba, no Pará, com destino a Viçosa, em Alagoas. Motoristas apresentaram documentos falsos aos PRFs.

24/11/2019 10:51h

A Polícia Rodoviária do Piauí (PRF-PI), em ação conjunta com a Polícia Militar, apreendeu 50 m³ de madeira sendo transportada sem licença ambiental na BR-316, altura da cidade de Valença. A ação se deu na última sexta-feira (22), durante abordagem de dois veículos de carga conduzidos por um homem de 37 anos e um de 28 anos.


Leia também: Madeira apreendida em 2019 seria suficiente para cobrir 320 casas 


Ao serem parados na barreira, os policiais solicitaram a documentação ambiental referente às cargas, mas os condutores apresentaram licenças ambientais com indícios de falsificação, segundo a PRF. As cargas de madeira seguiam do município de Itaituba, no Pará, com destino à cidade de Viçosa, no estado de Alagoas.


Foto: Divulgação/PRF-PI

Constatada a falsificação dos documentos, a empresa proprietária dos veículos e da carga foi enquadrada por receber ou adquirir produtos de origem vegetal para fins comerciais sem a licença dos órgãos competentes. A pena prevista para esta infração na Lei de Crimes Ambientais é detenção de seis meses a um ano e pagamento de multa.

Toda a carga de madeira, juntamente com os veículos, foram encaminhados para a sede do IBAMA em Valença, para os devido encaminhamentos.

Importante lembrar que só em 2018, a PRF do Piauí apreendeu mais de mil metros cúbicos de madeira irregular nas rodovias que cortam o Estado. E só de janeiro a novembro de 2019, o volume de apreensão já passa dos dois mil metros cúbicos.

Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário