• Campanha da Santa Missa
  • Vencer 03
  • Vencer 02
  • Vencer 01
  • Prerrogativas da advogacia
  • Peregrinos da fé
  • Novo app Jornal O Dia

PM apreende arma branca ao fazer vistoria em ônibus da Capital

Dando prosseguimento à Operação Paz nos Ônibus, a polícia revistou 28 veículos do transporte público nesta sexta-feira.

14/03/2020 15:14h

A Polícia Militar está dando continuidade à Operação Paz nos Ônibus, deflagrada no mês passado para coibir assaltos praticados no transporte coletivo de Teresina tendo como vítimas motoristas, cobradores e passageiros. Nesta sexta-feira (13), foram vistoriados 28 ônibus que passaram pelos pontos de barreiras montadas pelos policiais.

Ao todo foram seis barreiras, sendo uma na Avenida Higino Cunha, duas no conjunto João Emílio Falcão e três na região do acesso ao Shopping Rio Poty. Além dos veículos do transporte coletivo, os PM’s abordaram também carros, motos e transeuntes que passavam pelos locais. De acordo com a Polícia Militar, seria montada uma barreira na Avenida Miguel Rosa, mas em razão da chuva e pelo fato do pneu de uma viatura ter furado, o bloqueio naquela região não aconteceu.

As vistorias resultaram na apreensão de uma arma branca que, segundo a polícia, estaria sendo usada para a prática de assaltos no interior dos coletivos. 


Foto: Divulgação/SSP-PI

Operação Paz nos Ônibus

Desde o final de fevereiro, a Polícia Militar tem feito vistorias nos ônibus coletivos de Teresina na tentativa de combater os assaltos praticados no interior dos veículos. O Sindicato dos Trabalhadores das Empresas de Transporte Urbano (Sintetro) chegou a registrar até oito assaltos a ônibus em pouco mais de dois dias durante o mês passado. Foi provocada pela entidade que a Secretaria de Segurança Pública articulou a ação, inclusive cogitando a instalação de botão do pânico nos veículos.

A Operação Paz nos Ônibus consiste na montagem de barreiras em pontos estratégicos e de grande fluxo de passageiros, como por exemplo nos terminais de integração de Teresina.

Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário