PF cumpre mandados no Piauí contra quadrilha que fraudava benefícios previdenciários

Prejuízos aos cofres públicos chega a R$ 8,5 milhões. Quadrilha era formada por três mulheres que falsificavam documentos para receber benefícios irregularmente.

24/05/2021 08:40h - Atualizado em 24/05/2021 08:56h

Compartilhar no

A Polícia Federal do Piauí deflagrou nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (24) a Operação Múltiplas Faces para desarticular uma organização criminosa especializada em fraude a concessão e recebimento de benefícios previdenciários no Piauí. Até o momento, a investigação identificou 17 benefícios fraudados com prejuízo efetivo aos cofres públicos de aproximadamente R$ 2,7 milhões.


Leia também: PF apura desvios de R$ 4,2 milhões em fraudes de benefícios do INSS no Piauí 



Foto: Divulgação/Polícia Federal

No entanto, esse valor pode ser ainda maior. É que, levando-se em consideração a expectativa de vida média da população brasileira a quadrilha teria conseguido pelo menos R$ 8,5 milhões em pagamentos irregulares de benefícios previdenciários no Piauí. Ao todo, estão sendo cumpridos seis mandados judiciais, sendo três de prisões temporárias e três de busca e apreensão expedidos pela Vara Federal de Teresina.


Foto: Divulgação/Polícia Federal

As investigação da Operação Múltiplas Faces iniciou em a partir de duas prisões em flagrante realizadas em agências da Caixa Econômica Federal nos dias 01 de dezembro de 2019 e 13 de agosto de 2020, apontando a existência de uma organização criminosa formada por três mulheres que, mediante falsificação de documentos, se passavam por assegurados do INSS com o objetivo de fazerem saques e empréstimos consignados nos benefícios dos verdadeiros segurados.

Por meio de nota, a Polícia Federal informou que os envolvidos poderão responder pelos crimes de estelionato qualificado, associação criminosa, falsidade ideológica e uso de documento falso, cujas penas máximas acumuladas podem chegar a 20 anos de prisão.

Ao todo, 14 policiais federais foram mobilizados para a execução da Operação Múltiplas Faces.

Compartilhar no
Por: Com informações da Polícia Federal

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário