Patriota diz que não interfere no mandato de Thanandra Sarapatinha

Thanandra disse em entrevista na última terça-feira (29) que está insatisfeita e sente desconforto em permanecer na sigla

30/06/2021 18:17h

Compartilhar no

O secretário-geral do Patriota, Carlos Pinho, rebateu nesta quarta-feira (30), durante entrevista ao programa O Dia News, da O Dia Tv, as declarações da vereadora Thanandra Sarapatinha (Patriota) de que o partido estaria a perseguindo por não ter aceitado indicações de membros da sigla em seu gabinete na Câmara de Teresina. 


Leia tambémPrefeitura tenta estabelecer caminho sem ter planejamento e trava gestão 


Carlos Pinho afirmou que o partido não interfere em seu mandato. “A Thanandra foi a única vereadora eleita dentro do processo eleitoral pelo Patriota, mas nossa postura é de deixá-la muito tranquila, muito a vontade e não fazemos inferência no seu mandato”, disse. 

O secretário-geral comentou ainda sobre a ameaça da parlamentar de deixar a sigla. Ele revelou que a diretoria executiva ainda não recebeu qualquer pedido de desfiliação de Thanandra, mas reforçou que não há motivo para a saída da vereadora do Patriota.

Foto: Jailson Soares / O Dia 

“Não temos conhecimento ainda. Para que o partido possa se manifestar é preciso que essa comunicação aconteça de fato. Somos um partido pequeno, nos consolidamos dentro do processo e somos uma opção a mais para o eleitor piauiense. Nosso processo é muito aberto. Não existe dentro do Patriota essa postura de perseguição”, disse. 

Thanandra disse em entrevista na última terça-feira (29) que está insatisfeita e sente desconforto em permanecer na sigla. Ela disse que membros do partido promovem uma perseguição em suas redes sociais e disse que acionará à Justiça contra os ataques. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário