• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Mulher morre queimada no sofá de casa no município de Picos

Criança passava em frente à residência quando percebeu as chamas e avisou moradores. Fogo foi controlado pelos próprios populares.

02/10/2019 11:46h - Atualizado em 02/10/2019 12:08h

Uma mulher de 42 anos identificada como Auricélia Hipólito Ferreira da Silva morreu queimada após chamas atingirem o sofá onde estava deitada na sala da sua residência no bairro Junco, município de Picos, a 321 km de Teresina. Caso aconteceu por volta das 15 horas desta terça-feira (01).


Leia também:


Segundo informações do Comando do Corpo de Bombeiros de Picos, a guarnição foi acionada por moradores, mas ao chegar no local do incêndio as chamas já haviam sido debeladas pelos próprios populares. 

Vítima estava deitada no sofá quando veio a óbito. (Foto: Reprodução)

De acordo testemunhas que presenciaram o incêndio, uma criança passava em frente à residência quando percebeu as chamas e pediu socorro aos moradores. "Ele percebeu as chamas e começou a gritar. Os vizinhos vislumbraram o fogo e arrebentaram a porta da casa, usando baldes d'água para apagarem as chamas", informou o comandante do Corpo de Bombeiros, tenente Hamilton Lemos.

O comandante explica que ao adentrarem o local do incêndio, os bombeiros constataram que as chamas haviam atingido apenas o sofá onde a vítima estava deitada. O Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu) foi acionado e atestou o óbito da vítima.

Segundo o Corpo de Bombeiros, não há como atestar o que teria motivado o incêndio, mas a possibilidade de curto circuito é remota. "Alguns familiares nos informaram que ela era alcoólatra e fumava bastante, mas não temos como precisar qual teria sido a causa", afirma o comandante.

Uma equipe da perícia da Polícia Civil esteve no local para averiguar as causas do incêndio. O corpo da vítima foi recolhido e encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Picos.



Por: Nathalia Amaral

Deixe seu comentário