Mãe nega cachaça ao filho e é esfaqueada nas costas

Após ferir a mãe, jovem fugiu, mas foi capturado por familiares

04/08/2013 15:49h

Compartilhar no

A diarista Ana Marta Fernandes dos Santos, de 42 anos, foi esfaqueada nas costas pelo próprio filho, identificado como Leonardo Pereira da Silva Santos, de 18 anos. O motivo do crime? Uma dose de cachaça.

O caso aconteceu na noite de sábado, dia 03, no conjunto João Paulo II, bairro Irmã Dulce, cidade de Parnaíba, litoral do Piauí.  


Ana Marta e o filho Leonardo: briga por dose de cachaça. (Foto: Reprodução/Portal do Catita)

Ana Marta bebia em sua residência com um amigo, quando o jovem chegou. Era por volta de 22h e Leonardo, apresentando sinais de embriaguez, pediu bebida à mãe. A mulher negou, dando início a uma discussão com o filho.

Na confusão, um prato foi atirado ao chão. Em seguida, Leonardo sacou uma faca de mesa tipo serra e desferiu uma facada nas costas da mãe, tentando matá-la.

A vizinhança socorreu Ana Marta. O filho fugiu do local, mas foi encontrado logo depois no quintal de uma casa. Ele foi dominado por populares e entregue à polícia.

A vítima foi encaminhada para o pronto socorro do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, onde foi socorrida. Já o acusado foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Parnaíba e autuado por violência doméstica.

Leonardo é usuário de crack. Não é a primeira vez que ele agride a mãe. Em outra ocasião, ele mordeu o rosto de Ana Marta, deixando-lhe uma cicatriz na face.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Portal do Catita
Edição: Da Redação

Deixe seu comentário