Homem é procurado por atear fogo na casa da ex-companheira pela 2ª vez

O homem foi flagrado por vizinhos tentando atear fogo na casa da vítima.

03/06/2017 15:11h

Compartilhar no

Um homem identificado apenas como Gilmar está sendo procurado pela Polícia Militar por tentar atear fogo na casa da ex-companheira pela segunda vez em uma semana. Segundo informações da delegada titular da Delegacia da Mulher da Zona Sul, Valéria Cunha, a ex-companheira registrou um boletim de ocorrência na delegacia após sofrer ameaças de morte e ter a casa incendiada na última quarta-feira (31), no Portal da Alegria, na zona Sul de Teresina.

O homem foi flagrado por vizinhos tentando atear fogo na casa da vítima. As informações dão conta de que as chamas chegaram a atingir a calçada e parte do portão casa da mulher, no entanto, o fogo foi controlado pelos vizinhos. Amedrontados, os vizinhos acionaram a Polícia Militar que está em diligência em busca do acusado.

Após o primeiro incêndio provocado por Gilmar, um inquérito foi instaurado e o pedido de prisão preventiva do acusado foi expedido pela Delegacia da Mulher da zona Sul. No entanto, a delegada conta que espera uma ordem judicial para que o acusado seja preso. “Infelizmente não posso mandar prender sem o mandato da justiça, mas a Polícia Militar está atrás dele, por ter tentado atear fogo na casa da vítima pela segunda vez”, explica.

A delegada esclarece ainda que tentou encaminhar a vítima para um abrigo na capital, mas ela preferiu ficar na casa de amigos. Segundo relatos da vítima, o homem a ameaça por não aceitar o fim do relacionamento. “Eles estavam separados há três meses, mas ele ainda estava morando na casa dela, e depois que ela decidiu manda-lo embora, ele tocou fogo na casa”, relata a delegada Valéria Cunha.

Compartilhar no
Por: Nathalia Amaral

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário