• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

Homem é preso em União por homicídio e alega legítima defesa

Segundo a Polícia Civil, Cládio Tertuliano teria confessado a prática do homicídio doloso, mas alegou legítima defesa.

12/05/2019 15:22h - Atualizado em 12/05/2019 16:52h

Um homem identificado como Cláudio Tertuliano dos Santos foi preso na cidade de União, distante 56 km de Teresina, sob acusação de ter assassinado Gilcivan Lopes do Nascimento. O crime ocorreu numa seresta no Residencial Santa Helena, por volta das 2 horas da madrugada deste domingo, 12.

Segundo a Polícia Civil, Cládio Tertuliano teria confessado a prática do homicídio doloso, mas alegou legítima defesa.

Além de Cládio, outro homem também foi levado para delegacia de União pelos policiais militares, pois ele teria sido flagrado pelo segurança da seresta portando a arma usada no crime. No entanto, o próprio segurança declarou, em depoimento, que o autor do golpe que matou Gilcivan foi, de fato, Cláudio Tertuliano. Por esta razão, o segundo suspeito foi liberado. 

Segundo o capitão Miguel Luz, o suspeito foi capturado pela Polícia Militar ainda durante a madrugada.

 

A arma usada no crime

A vítima do homicídio, Gilcivan Lopes do Nascimento

Por: Cícero Portela

Deixe seu comentário