Homem é preso em flagrante por pedofilia na zona Sul

Um garoto de 14 anos denunciou o assédio à família, que procurou a polícia

01/07/2013 08:09h - Atualizado em 01/07/2013 20:29h

Compartilhar no

Um homem foi preso em flagrante no último sábado (29) acusado de pedofilia. A prisão foi efetuada em um condomínio no bairro Angelim, zona Sul de Teresina. A polícia chegou ao acusado após denúncia da mãe de umas das vítimas, um adolescente de 14 anos de idade. No momento da prisão, o acusado estava em casa com o garoto.

De acordo com a Polícia Militar, o homem foi pego de cueca e possivelmente assistindo a filme pornográfico na companhia do adolescente. Nas imagens cedidas pela PM ao portalODIA.com, a televisão está desligada quando a polícia entra na casa. Entretanto, havia um disco com vídeo impróprio para menores no aparelho de DVD.

José Abílio da Silva Junior, 48 anos, que é pensionista da Secretaria de Fazenda, foi conduzido à Central de Flagrantes.

Foi o garoto quem alertou sua família sobre o crime. Segundo o capitão Flávio Santos, comandante da Companhia Independente do Promorar, o adolescente chegou a gravar, com o uso de um celular, uma conversa com José Abílio e até mesmo o ato sexual em si, para comprovar os abusos. Nas imagens que motivaram a prisão, o acusado apareceria praticando sexo oral no garoto.

O menor relata que era abordado pelo acusado em plena via pública. Os crimes aconteciam há cerca de um ano. “A primeira vez, ele estava de moto e me parou. Ficava passando a mão. Eu saí correndo. Outra vez, ele estava de carro. Ele queria me dar R$ 30 para eu mostrar minhas partes íntimas para ele”, contou.

Ainda segundo a PM, foi encontrado vasto material pornográfico na casa do acusado. Pelo que a polícia apurou até agora, as vítimas são todas do sexo masculino.

"Eu já tinha procurado a Divisão do Menor, mas não tínhamos provas contundentes. Ele fez essa gravação e pedi ajuda à polícia. Ele vivia abordando ele na rua. Sabia onde ele estudava. Prometia presentes, perguntava se queria fazer algum esporte, que ele pagaria", afirmou a mãe do adolescente. 

À polícia, o acusado disse que tudo não passa de uma armação do adolescente. 

A polícia gravou a prisão do acusado. Veja vídeo:




Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário