• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Em vídeo, adolescente confessa assassinato de Talia

Chorando, mãe diz: 'Você acabou com a nossa vida'

05/08/2013 19:06h - Atualizado em 05/08/2013 19:13h

“Você acabou com a nossa vida.” Com essa dura constatação, a mãe interrompeu a interrogatório do próprio filho à Polícia Civil do Piauí. Sentada em uma cadeira, ela acompanhou o momento em que o adolescente B.O., de 17 anos, confessou ter assassinado Tália dos Anjos.

A jovem de 15 anos foi degolada com um golpe de faca no dia 02 de julho no município de Ilha Grande, litoral do Estado. Após um mês de investigações, a polícia apreendeu o adolescente, que confessou o crime.

No vídeo gravado pela Polícia Civil. B.O. aparece sentado ao lado da mãe, explicando porque assassinou a vítima. Com muita calma, ele conta que manteve relação sexual com a menor semanas antes do crime. Durante o ato, relata, o preservativo rompeu.

Isso levou Talia a pensar que estava grávida. Três dias antes de ser assassinada, ela procurou o adolescente para contar sua desconfiança. No depoimento, B.O. reproduz as palavras da vítima. “Ei, eu tô grávida”, teria dito a jovem.

Esse, justifica o adolescente, foi o motivo para ele ter assassinado a adolescente. Ao ouvir o relato do filho, a mãe não se contém. O vídeo divulgado pela Civil mostra o diálogo:

Mãe: - Você matou a menina por causa disso?

B.O.: - Foi mãe!

Mãe: - Por causa de uma gravidez, meu filho? (...) Isso é motivo de matar uma pessoa?

Com calma, sem demonstrar qualquer nervosismo, o adolescente tenta acalmar a mãe. “Eu não vou fazer mais isso. Eu não vou fazer mais isso”, insiste, pedindo que ela olhe nos seus olhos. Disse ainda: “Depois dessa, mãe, eu parei.”

Relato calmo e minucioso

Após assassinar Talia dos Anjos e abandonar seu corpo no Santuário da Mãe dos Pobres e Senhora do Piauí, B.O. pegou o celular da vítima e faca usada no crime e caminhou até um manguezal próximo.

Demonstrando calma, ele aparece no vídeo contando aos policiais detalhes do que fez. Mostra o caminho que percorreu para deixar o santuário, como escondeu e se desfez da arma e o ponto exato onde a faca caiu no lamaçal do mangue.

As imagens mostram ainda o momento em que o celular da jovem é encontrado por um popular que ajudava a polícia nas buscas.  

Veja a íntegra do vídeo disponibilizado pela Polícia Civil:


Matéria relacionada:

Adolescente demonstrou frieza ao confessar que matou Talia, diz delegado

Por: Rômulo Maia

Deixe seu comentário