Colisão frontal na Ponte da Primavera deixa uma pessoa gravemente ferida

Segundo a polícia, um motociclista tentou fazer uma ultrapassagem na pista reversa, mas foi colhido por um carro que seguia em alta velocidade e no sentido contrário.

07/07/2018 16:45h

Compartilhar no

Um grave acidente ocorrido por volta das 16h20min deste sábado (07) deixou uma pessoa gravemente ferida na ponte da Primavera. Um motociclista, que ainda não foi identificado pela polícia, colidiu frontalmente com um carro modelo Corsa Sedan de cor vermelha, que seguia em sentido contrário.

De acordo como o subtenente Vilson Pereira, da Companhia de Policiamento de Trânsito (Ciptran), o piloto da moto tentou fazer uma ultrapassagem, usando a pista reversa da ponte, e não percebeu que havia um outro veículo vindo em sentido contrário e em alta velocidade. Ele não teve tempo de desviar ou frear e acabou colidindo com o para-choque do carro e sendo arremessado sobre o capô.

“O impacto da batida foi tão forte que ele bateu a cabeça no vidro dianteiro do carro, que chegou a trincar. Ao que consta, a vítima sofreu fraturas expostas na perna direita e está inconsciente. Nós já acionamos o Samu e estamos aguardando a chegada, mas não podemos mexer nele para ver seus documentos, porque ele está ferido e qualquer movimento pode ser mais prejudicial”, explicou o subtenente.

O condutor do outro veículo envolvido, o Corsa, segundo a Ciptran, permanece no local prestando socorro e colaborando com o trabalho da polícia. “O que nós temos aqui é um registro da falta de atenção na hora de trafegar. Porque a ponte tem uma pista reversa que está devidamente sinalizada, mas as pessoas muitas vezes ignoram essa sinalização achando que vai dar tempo passar, que tem espaço, que não vem veículo no sentido contrário e coloca em risco não só a própria vida, mas a de outras pessoas”, pontuou o representante da Ciptran.

Este acidente sobre a Ponte da Primavera já é o segundo no trânsito que a Polícia Militar registra na tarde de hoje (07) em Teresina. Por volta das 14 horas, um homem cujo nome não foi divulgado, perdeu o controle da direção do carro na Avenida Maranhão, invadiu a pista contrária e subiu no meio fio.

Segundo a polícia, ele sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e tomava remédios controlados. No entanto, conforme explicou o subtenente Vilson, ele estava apto a conduzir o veículo sua documentação de motorista estava em dia, assim como a do carro. Ele foi socorrido pelo Samu. Ninguém ficou ferido no acidente.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário