• SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Adolescentes são sequestradas e violentadas em Castelo do PI

Após serem agredidas, vítimas foram amarradas e empurradas do alto de um morro.

28/05/2015 07:16h - Atualizado em 28/05/2015 11:32h

Atualizada às 08hs07min

O diretor do Hospital de Urgências de Teresina, doutor Gilberto Albuquerque, informou que duas das quatro adolescentes estão em estado grave e encontram-se internadas na UTI do hospital. Uma delas já passou por cirurgia com um quadro de traumatismo craniano e a outra ainda está na sala de operação com lesões sérias na região cervical e apresentou um quadro de hemorragia. 

Fotos: Portal Samita

A terceira jovem apresentava cortes profundos no rosto e está internada na Unidade de Terapia Semi Intensiva e a quarta jovem está em observação no leito de uma enfermaria com escoriações e alguns hematomas pelo corpo.

Atualizada Às 07hs42min

Segundo o delegado Willame Morais, gerente de Policiamento do Interior, o crime teria sido praticado por quatro adolescentes e uma rapaz maior de idade. Três adolescentes já foram apreendidos durante a madrugada e conduzidos para a Delegacia de Castelo do Piauí. A PM agora segue em diligência com o apoio da Força Nacional para encontrar o último adolescente e um rapaz maior de idade que também teriam participado do crime.

"Nós acionamos as Forças Táticas de Campo Maior e Teresina, para dar reforço e contatamos também a Força Nacional, porque é um crime que revolta a população. A cidade está com os ânimos bastante exaltados, e nós temos que dar uma resposta rápida e eficiente", afirma o delegado Willame.

Ele informou ainda que duas das quatro adolescentes tiveram que passar por cirurgia no HUT por conta da gravidade de seus quadros. "Sabemos que uma das jovens apresentou um quadro delicado de traumatismo craniano e a outra também sangrava muito e parece que estava com um quadro delicado de hemorragia", diz o delegado.

Equipes do IML de Teresina foram enviadas ao HUT, onde colherem material para ser usado na perícia, que confirmará ou não a participação dos suspeitos que foram apreendidos até o momento. A PM e Polícia Civil seguem em diligências com o apoio do Comando de Policiamento do Interior.

Atualizadas às 07hs15min

Quatro adolescentes com idades entre 15 e 17 anos foram sequestradas e violentadas na noite de ontem (27) na cidade de Castelo do Piauí, a 190 quilômetros de Teresina. De acordo com a polícia, o crime foi praticado por pelo menos cinco pessoas que levaram as meninas para o alto de um morro e cometeram as agressões.

Após a violência sexual, elas foram amarradas nos punhos e nas pernas com as próprias roupas e empurradas do alto do morro. As jovens ficaram no local, abandonadas, até que uma pessoa da região as encontrou e acionou a polícia e o socorro médico.

De acordo com o soldado Elias, da Polícia Militar de Castelo, as jovens foram agredidas a golpes de pedras e facas. “Elas estavam muito feridas e uma delas sangrava muito. As agressões se concentraram mais no rosto, porque elas tinham cortes na face e uma delas de a pálpebra muito machucada, mas tinha hematomas por todo o corpo”, afirma o soldado.

As jovens foram socorridas e trazidas em estado grave para o Hospital de Urgências de Teresina (HUT) onde permanecem internadas. As investigações estão sendo conduzidas pelo delegado Laércio Evangelista que afirma já ter a identificado pelo menos dois suspeitos.


A população de Castelo do Piauí saiu às ruas revoltada com a situação e pede justiça. Algumas pessoas tocaram fogo em frente à delegacia e ameaçaram invadir para pressionar as autoridades policiais a acelerarem as investigações. 


Deixe seu comentário