Adesivo de Bolsonaro leva polícia a prender suspeito de assalto em Teresina

A investigação começou a partir da imagem do presidente em um dos carros usados na ação.

05/04/2021 14:08h - Atualizado em 05/04/2021 14:39h

Compartilhar no

Um adesivo do presidente Jair Bolsonaro ajudou a polícia a identificar e prender nesta segunda-feira (5) Erivelton Lucas dos Santos, um dos homens suspeitos de participação do assalto à transportadora Jardlog realizado no mês de fevereiro do ano passado em Teresina. A investigação começou a partir da imagem do presidente em um dos carros usados na ação.


Leia também: Polícia recupera carro e moto roubados no bairro São Joaquim 


“A equipe de investigação trabalhou muito, pegamos as imagens e os depoimentos dos funcionários. Um detalhe chamou nossa atenção, que apareceu tanto nas imagens como no depoimento das vítimas, que foi a imagem do presidente da república em um dos carros”, explicou Menandro Pedro, delegado da 7ª Delegacia de Polícia Civil de Teresina. 

Adesivo que deu início a investigação (Foto: Tony Silva / O Dia)

Carro usado no assalto (Foto: Tony Silva / O Dia)

A parti daí, o veículo, uma F 250, passou a ser procurado até que os investigadores descobriram o paradeiro do carro e que ele possuía documentação falsa. Logo em seguida, a polícia descobriu que o proprietário, Eriveton Lucas dos Santos, usava documentos falsos com o nome de Erivelton Santos Martins. 

“Identificamos o proprietário e que ele estava usando documentos falsos. Descobrimos que ele morava em Altos, mas que recentemente havia mudado de endereço. Descobrimos a casa que ele estava morando e cumprimos o mandado de prisão”, afirmou o delegado. Com Erivelton, foram localizados vários produtos que a polícia acredita ser produto de roubo, armas e um motor de uma lancha. 


Vídeo usado pela polícia nas investigações (Divulgação / PC)

Medandro Pedro acredita que a partir dessa prisão seja possível localizar os demais integrantes da quadrilha que assaltou a transportadora e desvendar outro assalto à empresa na zona Norte de Teresina. Erivelto será indiciado por envolvimento no assalto, porte ilegal de arma e documentos falsos. 

O assalto

O assalto a transportadora Jadlog acontece em fevereiro de 2020. Um total de cinco homens armados chegaram em dois carros, renderam os seguranças e anunciaram o assalto. Ele fugiram com várias mercadorias e armas dos seguranças da empresa. 

Compartilhar no
Fonte: Otávio Neto, com informações de Tony Silva

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário