Em 63 anos, muita notícia passou pelo Jornal O Dia. Veja algumas delas

O Dia comemora aniversário de 63 anos.

01/02/2014 10:35h - Atualizado em 01/02/2014 11:29h

Compartilhar no

Ao longo do tempo, a história ganha novos personagens, novas formas de ser contada através de uma linguagem diferenciada e, claro, novos fatos importantes que merecem ser destacados. No decorrer de 63 anos, tudo isso pode ser conferido pelas páginas do Jornal O Dia, que está de aniversário hoje.

Foto: Assis Fernandes/O Dia

Desde a vitória do governador Pedro Almendra Freitas, em 1951, até o apoio da base governista ao PDT na disputa pela Câmara, manchete do O Dia de hoje, muitas notícias passaram pela edição do impresso. Mudou a forma de noticiar, a diagramação foi aprimorada e os recursos tecnológicos vieram para tornar o jornal melhor. O que permanece exatamente da mesma forma, é a credibilidade de O Dia e o compromisso da equipe com o melhor jornalismo do Estado.

Fotos: Jailson Soares e Marcela Pachêco/O Dia


Primeira edição do Jornal O Dia, em 1961

Nas capas comemorativas de aniversário merecem destaque a manchete do dia 1º de fevereiro de 1955, que denuncia o desvio de dinheiro dos cofres públicos pelo ex-diretor da Fazenda, J. Camilo, para instalar um telefone em sua propriedade particular.


Manchete do dia 1º de fevereiro de 1955 denuncia o desvio de dinheiro dos cofres públicos

No ano de 1968, a capa comemorativa de aniversário traz uma foto e a boa notícia: médico do Piauí transplanta coração. Em plena ditadura, a repercussão do discurso de Carlos Lacerda também ganha destaque na mesma edição.


Edição de aniversário de 1968

E por falar em ditadura, no dia do aniversário de 18 anos do jornal, em 1969, é noticiado o Ato Institucional nº 6, mesma ocasião em que Picos sofre com as enchentes.

Em 1º de fevereiro de 1972, a truculência policial foi a manchete do Jornal O Dia. ”Polícia comandou festival de violências na Pedro II”.


Em 1969, o Brasil vive período de Ditadura Militar


Violência policial é denunciada pelo Jornal O Dia


Homens que usam batom, na edição de aniversário de 22 anos

Em 1973, um grupo de jovens libertos de preconceitos teve sua foto estampando a capa de aniversário de 22 anos. A chamada dizia: “Eles curtem baton”.

Em 1º de fevereiro de 1977, os problemas do sistema prisional já eram denunciados. A manchete daquele dia falava que adolescentes infratores estavam sendo violentados por presos na Central de Flagrantes. “Com medo de morrer, os menores são submetidos a todo tipo de perversão sexual”, mostrava o jornal.


Problemas no sistema prisional viram manchete do dia 1º de fevereiro de 1977

No aniversário de 31 anos, em 1982, uma coluna do guerreiro Chacrinha ajudou O Dia a se tornar ainda melhor, assim como a “era da informática”, que foi anunciada no dia 1º de fevereiro de 1990, em comemoração aos 39 anos. A foto da capa mostra os computadores que passaram a ser usados pelos jornalistas.


Na década de 90, O Dia entra na "era da informática"

Com a ajuda da tecnologia, as melhorias nas edições são visíveis. As fotos coloridas e o aprimoramento da diagramação foram algumas das mudanças possibilitadas pelo investimento em novos equipamentos.

Veja todas as capas histórias do Jornal O Dia:












Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário