Sindicatos fazem protesto por investimento em saúde com passeata na Frei Serafim

Além disso, o setor de hotelaria, bares e restaurantes protestam por condições de trabalho seguimento as medidas restritivas.

03/03/2021 09:33h - Atualizado em 03/03/2021 10:49h

Compartilhar no

O Sindicato da Hotelaria e Gastronomia do Estado do Piauí (Sintshogastro) e a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel no Piauí) estão realizando, nesta quarta-feira (3), um protesto por investimentos em saúde, como abertura de leitos para tratamento de Covid-19 e aquisição  de vacinas, além da manutenção do funcionamento do setor de alimentação fora do lar.

 

A manifestação iniciou em frente à Assembleia Legislativa (Alepi), e neste momento está na Avenida Frei Serafim, sentido centro. 


Entre os principais pontos de reivindicação dos manifestantes estão: reabertura dos hospitais de campanha; reabertura de leitos de UTI destinados a pacientes com Covid-19; e funcionamento do setor com adoção de protocolos de biossegurança.  

(Foto: Pedro Cardoso)

“Será uma reivindicação da classe empresarial e trabalhadora. Nós defendemos a cobrança dos protocolos de segurança, defendemos a ampliação de leitos de UTI e a divulgação clara dos números pela Sesapi. Precisamos trabalhar”, explicou Vitor Bezerra, conselheiro da Abrasel.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário