Secretaria de Saúde vai realizar mutirões de cirurgias em três municípios

Objetivo é diminuir as filas de espera dos procedimentos eletivos

23/07/2021 14:43h

Compartilhar no

Com o retorno das cirurgias eletivas, paradas por conta da pandemia da Covid-19, a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (SESAPI) está elaborando calendário para intensificar a programação de mutirão de cirurgias neste segundo semestre de 2021. Nos meses de julho e agosto estão previstas a realização de 1.812 cirurgias de catarata nos municípios de Piripiri, Cocal e Parnaíba. 

Os procedimentos, realizados por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), vão beneficiar pessoas acima dos 60 anos de idade, não excluindo a possibilidade de atendimento do público em geral, dependendo do quadro da pessoa.


De 23 a 26 de julho serão realizadas aproximadamente 861 consultas de triagem UPA de Piripiri com apoio do Hospital e Secretaria Municipal de Saúde de Piripiri. As cirurgias serão realizadas de 29 de julho a 01 de agosto, contemplando toda a região dos Cocais, que engloba 23 municípios do Piauí. No dia 28 de julho, 284 pacientes passarão por consulta de triagem no Hospital Joaquim Vieira de Brito (Cocal) e as cirurgias serão realizadas no dia 03 de agosto, contemplando também a população vizinha. De 29 de julho a 01 de agosto 667 paciente passarão por consulta de triagem no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), em Parnaíba. As cirurgias serão realizadas de 05 a 08 de agosto, contemplando os demais municípios da Região de Saúde Planície Litorânea.

“Estamos priorizando os atendimentos em regime de mutirões, diminuindo as filas de espera e melhorando a qualidade de vida dos piauienses”, declara o secretário Florentino Neto.

Segundo ele, a SESAPI prevê a ampliação da oferta de mutirões de cirurgia em todas as regiões do estado. Com o serviço descentralizado a gestão facilita o acesso ao procedimento cirúrgico evitando que a população se desloque para a capital.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário