Receita libera consulta ao 3º lote de restituição do Imposto de Renda 2014

Em todo o Brasil serão pagos R$ 2 bilhões no lote multiexercício para um total de 1.624.394 contribuintes.

08/08/2014 09:51h

Compartilhar no

A Receita Federal libera nesta sexta-feira (8), a partir das 9h, a consulta ao 3º lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de 2014 e lotes residuais que abrangem o período de 2009 a 2013. No Piauí 12.537 contribuintes serão beneficiados, totalizando R$ 14.599.905,98 em restituições que serão creditadas a partir do dia 15 de agosto de 2014.

“O crédito das restituições ficará disponível por um ano nas instituições bancárias. O contribuinte que não fizer o resgate nesse prazo deverá requerê-la pela internet, mediante formulário eletrônico ou diretamente no e-CAC, no serviço de declaração do IRPF'', destacou o delegado Gildásio Barbosa.

No Estado do Piauí, para o exercício de 2014, serão creditadas restituições para um total de 12.216 contribuintes, totalizando R$ 14.044.369,33. Já para o exercício de 2013, serão creditadas restituições para 239 contribuintes, totalizando R$ 431.449,88.

Quanto ao lote residual do exercício de 2012 serão creditadas restituições para 27 contribuintes, totalizando R$ 53.161,27. Com relação ao lote residual do exercício de 2011, serão creditadas restituições para 30 contribuintes, totalizando R$ 40.039,81. Para o lote residual de 2010 serão creditadas restituições para 21 contribuintes totalizando R$ 30.228,66 e, para o lote residual de 2009, 4 contribuintes serão beneficiados totalizando R$ 657,03.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita Federal do Brasil – RFB na internet (http://www.receita.fazenda.gov.br) ou ligar para a o número 146. O lote residual poderá ser consultado, ainda, por dispositivos móveis como tablets e smarthphones, através de aplicativo disponível na página da RFB na internet.

“Quem não consta neste lote, é importante consultar o Extrato do Processamento da DIRPF no site da Receita a fim de saber se incidiu em Malha Fiscal e, se for o caso, providenciar a correção e regularização de sua declaração", finalizou o delegado.

Compartilhar no
Edição: PortalODia.com

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário