• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

PI é o 5º maior estado em capacidade de geração de energia eólica no Brasil

De acordo com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, a capacidade geradora de energia pelo vento no Estado é de 1.521 MW.

23/12/2018 09:52h - Atualizado em 23/12/2018 11:22h

O Piauí se tornou, em 2018, o 5º maior estado em capacidade de geração de energia eólica no Brasil, segundo o levantamento elaborado pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Contando com 55 usinas ativas, o Estado fica atrás somente do Rio Grande Norte, Bahia, Ceará e Rio Grande do Sul na geração de energia elétrica por meio do vento.

De acordo com o estudo, as usinas de energia eólica do Estado chegaram a uma capacidade de produção total de 1.521,1 Megawatts entre os meses de janeiro a outubro de 2018. Para efeito de comparação, este número é quase a metade da capacidade geradora do Rio Grande do Norte – que gerou 3.949,3 Megawatts e, com 146 usinas, tem o maior parque eólico do país.


Foto: Divulgação

A capacidade geradora das usinas de energia eólica piauienses saltou de 1.443,1 Megawatts em agosto, para 1.470,1 Megawatts em setembro. Até agosto, havia sido produzidos 619,1 Megawatts nos parques eólicos piauienses, e em setembro esse número subiu para 649,9 Megawatts.


Foto: Abeeólica

A CCEE afirma que o potencial energético do Piauí, somado aos dos outros 11 estados produtores de energia eólica no Brasil, se assemelha à capacidade instalada na Usina de Itaipu, a maior hidrelétrica do país. Em âmbito nacional, a energia eólica está chegando a atender a quase 14% do Sistema Interligado Nacional e no caso específico do Nordeste, os recordes de atendimentos a carga já ultrapassam 70%.

O Piauí, de acordo com a entidade, tem tido um bom aproveitamento de seu potencial eólico, com ventos estáveis, de intensidade adequada e sem mudanças bruscas de velocidade ou de direção. 

Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário