Na busca pela cura, teresinenses recorrem a tratamentos espirituais

Representantes da Fundação Adolfo Fritz revelam detalhes da cirurgia espiritual realizada no espaço instalado na zona Sul de Teresina.

20/07/2014 08:03h - Atualizado em 20/07/2014 08:31h

Compartilhar no

No salão, cadeiras brancas dispostas para frente de um altar com livros de Allan Kardec - a base da literatura e doutrina espírita. Nas paredes, os olhares de Dr. Fritz, Irmã Dulce e Chico Xavier. Na mesa, garrafas com água fluidificada; do outro lado, uma estante com a literatura da doutrina espírita. Um corredor leva até a sala de passe magnético, de arte e cura, e a ainda para a sala onde acontece a cirurgia espiritual. Tudo pequeno, num espaço que funciona há dois anos e onde já se reuniram 250 pessoas, em um domingo pela manhã, na busca de tratamentos espirituais. 

Foto: Marcela Pacheco/ODia

Em média, 30 pessoas trabalham na Fundação Adolfo Fritz, situada na zona Sul de Teresina, €œpropagando o evangelho da doutrina espírita€, como frisa Paulo James de Oliveira, auxiliar administrativo e adepto do espiritismo há 18 anos. As cirurgias espirituais são mediadas por Paulo James, que afirma receber a personalidade de Dr. Fritz €“ médico polonês que viveu na Alemanha e chefiava um Hospital de Campanha em Tannenberg. No combate de Tannenberg, o mais sangrento da 1° Guerra Mundial, Fritz e sua equipe foram atingidos por um torpedo Shell, mais de 125 mil pessoas morreram nesse combate. 

€œO meu primeiro encontro com o Dr. Fritz foi, na casa de uma amiga, quando estudávamos o evangelho, eu senti uma presença forte, perdi os sentidos e ele me chamou para uma longa batalha€, relembra. 

Paulo James de Oliveira explica que tem o dom da mediunidade desde a infância e que trabalha em €œparceria com o Dr. Fritz€. Como ele mesmo coloca, um serviço que ainda gera especulações. €œAs pessoas questionam, mas sigo com a missão de levar o evangelho para o próximo, com atenção, disciplina e cuidado, como o Dr. Fritz me pediu. Desde criança, eu converso com espíritos, vejo pessoas que nunca conheci e, em seguida, encontro conhecidos que me confirmam a existência daquelas pessoas. Todas as pessoas possuem mediunidade€, defende Paulo James. 

De acordo com o médium, as cirurgias são gratuitas e o público da Fundação Espírita é formado por médicos, advogados, psicólogos, incluindo pessoas de todas as classes sociais e graus de instrução. €œAs pessoas buscam uma oração, uma palavra e nós somos instrumentos. Eu tenho essa relação espiritual com Dr. Fritz e todas as perguntas são respondidas por ele, mas, além da cirurgia espiritual, existem outros tratamentos, como a arte e cura, quando os espíritos usam o corpo humano para expressar a sua arte, o passe magnético e a psicografia€, descreve.

Mais informações no Jornal O Dia deste domingo (20).

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Andressa Figuerêdo - Jornal O Dia

Deixe seu comentário