Mais de 70 filhotes de tartaruga-de-pente nascem na praia do Arrombado; veja vídeo

O Instituto Tartarugas do Delta (ITD) informou que a cada mil filhotes nascidos, um ou dois retornarão daqui a 25 anos para continuar o seu ciclo reprodutivo

24/02/2021 15:02h - Atualizado em 24/02/2021 15:19h

Compartilhar no

A praia do Arrombado, em Luís Correia, foi palco do nascimento de 74 tartaruga-de-pente. Os filhotes, que nasceram pela primeira vez no local, deixaram o ninho e foram direito para o mar. O Instituto Tartarugas do Delta (ITD), que trabalha com ações de manejo e conservação de tartarugas marinhas no litoral piauiense, divulgou as imagens nas redes sociais nesta quarta-feira (24). (Veja o vídeo abaixo)


De acordo com o ITD, foram 48 dias de monitoramento até o nascimento dos animais. Estima-se que a cada mil filhotes nascidos, um ou dois retornarão daqui a 25 anos para continuar o seu ciclo reprodutivo.

Foto: Divulgação/ITD

O Instituto informou ainda que, os demais filhotes, vão desenvolver seu papel ecológico, participar da cadeia alimentar e proporcionar um equilíbrio ambiental (ser fonte de alimento para animais maiores).

Foto: Divulgação/ITD

Ainda conforme o ITD, a temporada de desova de tartarugas marinhas de 2020 foi marcada pela pandemia causada pelo coronavírus (COVID 19). Nesse período, o projeto Rotas da conservação confirmou 169 ninhos registrados nas praias de Atalaia, Peito de Moça, Barro Preto, Coqueiro, Arrombado e Maramar no município de Luís Correia (PI); praia da Pedra do Sal, município de Parnaíba (PI); praia de Barra Grande e Barrinha, município de Cajueiro da praia (PI) e na ilha dos Poldros, Delta do Parnaíba, território do maranhense. Foram liberados quase 12 mil filhotes.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário