Homem é preso suspeito de estuprar e estrangular amante até a morte em Altos

Cléudia Maria Medeiros de Sousa, de 44 anos, foi estuprada e em seguida estrangulada até a morte.

16/08/2021 17:53h

Compartilhar no

A Polícia Civil desvendou o caso do corpo de uma mulher achado no último sábado (14) despido em um açude, na cidade de Altos. Nesta segunda-feira (16), a corporação divulgou a prisão do amante da vítima, de 41 anos, autuado por feminicídio. Cléudia Maria Medeiros de Sousa, de 44 anos, foi estuprada e em seguida estrangulada até a morte. Exames realizados ainda no final de semana constaram o crime. A vítima e o suspeito tinham um relacionamento extraconjugal. 

“No sábado recebemos informações de um corpo feminino despido em açude próximo ao município de Altos.  Diante das informações fomos até o local e encontramos o corpo. Acionamos a Polícia Militar, IML e perícia para averiguar o fato, que até então, suspeitávamos ser afogamento”, relatou o policial civil, Henrique Araújo.

De acordo a Polícia, a perícia confirmou que o pescoço da vítima estava quebrado e com sinais de estupro. 


Foto: Polícia Civil 

“Falamos com testemunhas e chegamos a prisão do homem de iniciais E.M.B, de 41 anos, que não resistiu à prisão e confessou o crime. Junto com ele, foram encontradas as roupas da vítima dentro de uma mochila. Suspeitamos que a vítima queria deixá-lo, pois o marido poderia estar desconfiando. Diante dos fatos, o suspeito não aceitou e acabou cometendo esse crime”, disse o policial. 

O suspeito foi conduzido à Central de Flagrantes de Altos. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário