Evento 'Vozes da Resistência: Ditadura Nunca Mais' lembra o luto do Golpe de 64

Encontro virtual acontece no próximo dia 31 de março e contra com a participação de importantes artistas teresinenses entre músicos e poetas.

25/03/2021 12:06h - Atualizado em 25/03/2021 12:20h

Compartilhar no

O evento "Vozes da Resistência: Ditadura Nunca Mais", promovido e organizado pela Unidade Popular do Piauí,  acontece na próxima quarta-feira, dia 31 de março, para nos lembrar que completamos 57 anos do golpe militar brasileiro de 1964. A live será realizada às 19h com será transmissão ao vivo pelo canal do Youtube do Jornal A Verdade e pela página do Facebook da Unidade Popular pelo Socialismo Piauí.

O objetivo das apresentações culturais é nos recordar dessa data, mas, de forma alguma, comemorá-la. Afinal, é um dia de luto e de luta. Luto por todos que sofreram com a ditadura. E luta como todas as que os movimentos sociais têm travado nos últimos anos. 


Foto: Divulgação

A live reunirá importantes artistas de Teresina, entre músicos, poetas e cordelistas. Entre alguns dos nomes estão o músico Geraldo Brito, a cordelista Josefina Ferreira e o poeta Paulo Rodrigues. 

A mediação será do poeta e presidente da UP, Pedro Laurentino, e da jornalista Juliana Teixeira, professora do Departamento de Comunicação da UFPI. "É um evento cultural on-line para 'marcar' a instauração da ditadura de 1964 em contraponto às ações já autorizadas em comemoração a essa data Então a ideia é fazer um evento menos partidário mesmo e mais cultural para responder com poesia, música e cordel", explica a professora.

Confira abaixo os convidados do evento:

  • Geraldo Brito – músico 
  • Josefina Ferreira – cordelista
  • Bad Black – hip hop 
  • Paulo Rodrigues – poeta 
  • Allan Sales – músico 
  • Cazé – cordelista 
  • Titá Pereira – músico 
  • Luiza Cantanhede – poeta 
  • Filipe Sousa – músico 
  • Cícero Vilson – músico 
  • Edu – cordelista 
  • André de Sousa – músico

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário