• Cobertura Zé Pereira
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Estudantes podem se inscrever no Sisu a partir desta terça (21)

Para o Sisu 2020.1, o Piauí conta com 9.339 vagas presenciais e 5.850 vagas à distância. O prazo para se inscrever vai até domingo (26).

21/01/2020 09:03h - Atualizado em 21/01/2020 11:57h

O Sistema de Seleção Unificada (SiSU) abre nesta terça-feira (21) suas inscrições que garantem o ingresso nas instituições de ensino superior que usam o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como critério de seleção. Neste semestre, o Sisu vai ofertar 237 mil vagas em 128 instituições de ensino superior públicas. O prazo para se inscrever vai até domingo (26).

Para o SiSU 2020.1, o Piauí conta com 9.339 vagas presenciais, distribuídas entre UFPI, Uespi, IFPI e Univasf – campus Serra da Capivara, somente entre as IES públicas. Para o Ensino Superior à distância, o Piauí terá 5.850 vagas, sendo 2.730 para a Universidade Aberta do Brasil (UAB) e 3.100 para a Universidade Aberta do Piauí (Uapi), as quais serão ofertadas no segundo semestre de 2020, quando será lançado o edital.

Foto: Divulgação

Maria de Lourdes Lopes, superintendente de Ensino Superior da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), esclarece que as federais ofertarão 50% por cento das vagas para ampla concorrência e os outros 50% para políticas de ações afirmativas, as chamadas cotas. No caso da Uespi, 70% das vagas serão para ampla concorrência e 30% para cotas.

Para participar do SiSU, é preciso ter feito o Enem 2019 e ter tirado nota acima de zero na prova de redação. Na hora da inscrição no processo seletivo é preciso informar o número de inscrição do Enem e a senha atual cadastrada na Página do Participante.

A nota do Enem está disponível desde sexta-feira (17) tanto no aplicativo, quanto na própria Página do Participante. Na hora da inscrição no SiSU, é possível escolher até duas opções de curso, de acordo com a ordem de preferência.

Uma vez por dia, o Ministério da Educação (MEC) divulga na página do SiSU as notas de corte, que são as menores para os candidatos ficarem entre os selecionados na modalidade escolhida. A nota de corte é calculada com base no número de vagas e no total de candidatos inscritos. É possível alterar as opções de curso feitas até o final do período de inscrição. O Sisu considera válida a última opção registrada pelos estudantes.

Cronograma

De acordo com o cronograma atual, as inscrições para o SiSU podem ser feitas de 21 a 26 de janeiro. No dia 28 de janeiro será divulgado o resultado da seleção. Os estudantes que forem aprovados deverão fazer a matrícula nas instituições de ensino entre 29 de janeiro e 4 de fevereiro.

Aqueles que não forem selecionados poderão ainda participar da lista de espera. O prazo para se candidatar é de 29 de janeiro a 4 de fevereiro. Os candidatos em lista de espera serão convocados pelas próprias instituições de ensino, entre 7 de fevereiro e 30 de abril.

Além de participar do Sisu, os estudantes podem usar as notas do Enem para concorrer a bolsas de estudo pelo Programa Universidade para Todos (ProUni). As inscrições poderão ser feitas de 28 a 31 de janeiro. Podem também se inscrever no Programa de Financiamento Estudantil (Fies), de 5 a 12 de fevereiro.

Os estudantes podem ainda usar as notas para cursar o ensino superior em Portugal. O Inep tem convênio com mais de 40 instituições portuguesas.

Instituições de ensino públicas e privadas utilizam o Enem como forma de seleção independente dos programas de âmbito nacional. Os estudantes podem, portanto, consultar diretamente as instituições nas quais têm interesse em estudar.

Fonte: Da Redação

Deixe seu comentário

Tags: enem, sisu, vagas,