Em Castelo do Piauí, Governo Federal entrega 100 moradias a famílias de baixa renda

O Residencial Marvão I e II recebeu R$ 6,2 milhões de investimento federal e vai beneficiar cerca de 400 pessoas.

07/12/2021 09:16h

Compartilhar no

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), entregou, nesta segunda-feira (6), 100 casas a famílias de baixa renda do município de Castelo do Piauí, no estado do Piauí. O Residencial Marvão I e II recebeu R$ 6,2 milhões de investimento federal - sendo que 89% foram repassados desde 2019 - e vai beneficiar cerca de 400 pessoas.

"Desde 2019, na atual gestão do Governo Federal, já entregamos mais de 1 milhão de unidades habitacionais e retomamos 70 mil que estavam paralisadas, firmando nosso compromisso com toda a população brasileira de que nenhuma obra ficasse paralisada ou inconclusa. Isso é respeito ao dinheiro público", destaca o chefe de gabinete da Secretaria Nacional de Habitação do MDR, Maick Cariri.

Foto: Divulgação

O residencial conta com infraestrutura completa de água, esgoto, iluminação pública, energia elétrica e drenagem. Além disso, fica a menos de dois quilômetros de creche, escola, posto de saúde e de segurança.

Aline Henrique de Morais, de 22 anos, foi uma das beneficiadas com o novo apartamento. A lavradora se emocionou ao receber a chave. "Estou feliz de ter ganhado essa casa, todo mundo merece receber uma casa própria", comemorou.

Foto: Divulgação

O ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, também participou da cerimônia de entrega das chaves. Ele ressaltou a importância de se oferecer um lar digno às famílias brasileiras mais vulneráveis.

"Esse o ápice da cidadania de uma pessoa, quando ela recebe sua casa própria. A vida inteira você sonha com isso, em sair do aluguel, sair de áreas de risco e poder criar seus filhos", afirmou o ministro.

Casa Verde e Amarela

Empenhado em reduzir o déficit habitacional, o Governo Federal retomou obras, ampliou o programa nacional de Habitação - o Casa Verde e Amarela - e rompeu, em junho deste ano, a barreira de 1 milhão de unidades entregues à população desde 2019. Apenas este ano, foram mais de 320 mil moradias, que realizaram o sonho da casa própria para mais de 1 milhão de pessoas.

O Programa Casa Verde e Amarela, que completou um ano em 25 de agosto, avançou no combate ao déficit habitacional por atuar em diversas frentes. Além da produção de casas e apartamentos, também inclui regularização fundiária, melhoria de residências e há outras ações em estudo, como a locação social.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário