Dias propõe envio de 300 mil vacinas ao Amazonas e governadores aceitam

A estimativa é de que o Amazonas receba 5% do total nessas novas doses e o restante seja dividido proporcionalmente entre os outros estados.

22/01/2021 10:30h

Compartilhar no

Em reunião do Fórum do Governadores do Brasil, realizada na noite desta quinta-feira (21), os governadores de pelo menos 22 estados aprovaram a proposta do governador do PiauíWellington Dias (PT), para enviar uma cota extra de vacinas ao estado do Amazonas.


Leia também: Covid-19: Em Teresina, casas de shows fecham e bares suspendem apresentações 


Com a possível autorização do uso emergencial, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), de mais 4,8 milhões de doses da Coronavac e a chegada de 2 milhões de doses da vacina da Astranezeca, a estimativa é de que o Amazonas receba 5% do total nessas novas doses e o restante seja dividido proporcionalmente entre os outros estados.

Foto: Arquivo O Dia

Em vídeo, o governador do Piauí destacou a gravidade da situação causada pela propagação do novo coronavírus em território amazonense e defendeu que o controle da pandemia no estado resulta, também, no controle no resto do país, uma vez que o vírus está se espalhando para municípios do interior do Amazonas, chegando à fronteira com o estado do Pará.

"Por essa razão, defendi uma proposta técnica para que possamos, na distribuição desse novo lote de vacinas, com mais de 6 milhões de doses, tirar cerca de 5%, algo em torno de 300 mil vacinas, para viabilizar a vacinação em Manaus e nesses municípios mais afetados na divisa com os outros estados. É uma ação humanitária, também é estratégica, para evitar a propagação", afirmou.



Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário