• Canta
  • SOS Unimed
  • Fagner
  • Trilha das emoções
  • Novo app Jornal O Dia

Consumo de energia no B-R-O-Bró corresponde a 36% do total do ano

O aumento nos gastos com a luz e aparelhos eletrônicos sobe de 6% a 12% nos meses mais quentes do ano. Veja dicas de economia.

02/09/2019 08:49h

O Piauí entrou oficialmente no período mais quente do ano. Conhecido como B-R-O-Bró, os meses de setembro, outubro, novembro e dezembro possuem como marca registrada as altas temperaturas, baixa umidade relativa do ar e a quase ausência de chuvas. Diante do calor e da sensação térmica por vezes desconfortável, os piauienses encontram nos aparelhos de ar condicionado, umidificadores de ar e ventiladores uma saída para tentar amenizar o calor.


O Piauí entrou oficialmente no B-R-O-Bró - Foto: Jailson Soares/O Dia

Com o uso mais intenso e frequentes destes aparelhos, é normal e até esperado o aumento nas contas de energia. Segundo o levantamento feito pela Cepisa Equatorial, concessionária dos serviços de produção e distribuição de energia no Piauí, o consumo de energia elétrica no B-R-O-Bró corresponde a 36% do consumo total de energia do ano. O aumento vai de 6% a 12%% nas contas dos clientes, conforme o que diz o eletrotécnico da empresa, Gilvan Monteiro.

A demanda também aumenta. Por conta do acréscimo considerável do uso da rede elétrica, ela se torna mais suscetível a falhas, como quedas de energia, por exemplo. Para evitar problemas e ficar sem energia, a Equatorial Energia pede que os usuários evitem situações de desperdício e não deixem equipamentos ligados sem que alguém esteja utilizando. Isso serve não só para não sobrecarregar a rede, como também para reduzir os impactos na conta de luz ao fim do mês.


Clientes devem ficar atentos para o aumento do consumo de energia neste período - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Aparelhos de ar condicionado, geladeiras, lavadoras de roupa, equipamentos ligados em modo de espera ou celulares carregando por mais tempo que o essencial podem ser grandes vilões para quem quer manter uma fatura dentro do orçamento familiar previsto. Confira abaixo algumas dicas para reduzir o consumo de energia durante o B-R-O-Bró sem passar calor.

  • Optar por utilização ventiladores ao invés de ar condicionado;
  • Caso utilizar ar-condicionado, tentar utilizar e programar a função “timer” para evitar o uso contínuo durante todo um turno;
  • Desligar o “stand by” ou modo de espera de equipamentos, retirando-os da tomada quando não estiverem em uso;
  • Reduzir o tempo de banho no chuveiro elétrico;
  • Evitar abrir a geladeira o tempo todo, fazer manutenção das borrachas de vedação da porta e optar pela utilização de garrafa térmica para beber água;
  • Não deixar celulares, câmeras, notebooks e outros equipamentos “dormirem” carregando/
  • Trocar as lâmpadas de incandescentes e fluorescentes por lâmpadas de LED, que são mais econômicas e tem maios vida útil.

Fonte: Equatorial Energia
Edição: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário