Colapso na saúde: Piauí tem cerca de 100 pacientes na fila de espera por leitos

Em Teresina, todos os 256 leitos de UTI estão ocupados e não há mais vagas na rede privada ou pública.

10/03/2021 12:13h - Atualizado em 10/03/2021 17:05h

Compartilhar no

O Piauí continua em alerta devido à superlotação dos leitos exclusivos destinados a pacientes com covid-19. Segundo levantamento feito pelo Portalodia.com, o estado possui cerca de 100 pacientes na fila esperando leitos, destes, 57 estão aguardando vagas em hospitais da rede estadual, sendo 35 pessoas na fila de leitos de UTI e 22 para leitos clínicos.


Leia mais:

Governador anuncia novas medidas de combate à Covid no Piauí - Piauí

‘Estamos construindo tanques para levar oxigênio aos leitos’, diz Regina Sousa


Segundo o presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, a situação da Capital também é crítica, com todos os 256 leitos de UTI ocupados. Não há mais vagas na rede privada ou pública. Com isso, os pacientes que precisarem de cuidados intensivos precisam aguardar na fila de espera.

Foto: Divulgação/HGV

“Temos mais de 20 pacientes na espera de leitos de UTI e quase 30 a espera de leitos clínicos. Diariamente temos que mudar as estratégias de ação, hoje, por exemplo, estamos com muita dificuldade em leitos clínicos e temos que fazer modificações urgentes em alguns hospitais”, revela.

Para atender a demanda crescente, cinco leitos foram abertos ontem (09) no Hospital de Urgências de Teresina (HUT). As duas unidades são referência no atendimento à covid-19 em Teresina e estão com 100% de ocupação nos leitos.

Na rede municipal, o presidente da FMS informou que Teresina agora passará a contar com três hospitais destinados exclusivamente para atendimento de pacientes com covid-19: o Hospital do Monte Castelo, o Hospital Mariano Castelo Branco e o Hospital do bairro Dirceu Arcoverde II, além das unidades de saúde que atuam de forma mista e Unidades Básicas de Saúdes que já são destinadas à covid-19.

Piauí registra mais de 1 mil casos e 20 óbitos em 24 horas

Nas últimas 24 horas foram registrados, no Piauí, 1085 casos confirmados e 20 óbitos pela Covid-19, segundo os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde, na noite desta terça-feira (9). Dos 1085 casos confirmados da doença, 584 são mulheres e 501 são homens, com idades que variam de um a 102 anos.

Nove mulheres e onze homens não resistiram às complicações da Covid-19. Elas eram das cidades de Altos (24 anos), Campo Maior (78 e 88 anos), Floriano (41 anos), Luís Correia (88 anos), São Lourenço do Piauí (61 anos) e Teresina (62, 90 e 91 anos). Os homens eram de Aroazes (70 anos), Esperantina (91 anos), Oeiras (90 anos), Piracuruca (82 anos), Piripiri (79 anos) e Teresina (43, 46, 71, 79, 80 e 91 anos). Quatro das vinte vítimas não possuíam doenças preexistentes.

Os casos confirmados no estado somam 181.560 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 3.524 e foram registrados em 213 municípios. São Lourenço do Piauí registrou a primeira morte pelo coronavírus. Até agora, morreram 2.061 homens e 1.463 mulheres.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há  922 ocupados, sendo 517 leitos clínicos, 335 UTIs e 70 em leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 10.404 até o dia nove de março de 2021.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Edição: Com colaboração de Eliezer Rodrigues.

Deixe seu comentário