• SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Centro das Indústrias do Piauí prepara pesquisa sobre setor

A pesquisa tem como objetivo a criação do Plano de Crescimento para a Indústria do Piauí

25/11/2019 15:42h - Atualizado em 26/11/2019 08:27h

O setor industrial do Piauí necessita de uma pesquisa aprofundada que aponte os desafios e as potencialidades do estado. Essa é a primeira meta estabelecida pelo presidente do recém-criado Centro das Indústrias do Piauí (CIEPI) Andrade Junior. Ele justifica a importância do estudo ao afirmar que a maioria das informações do setor não possuem métodos confiáveis.


“Todos dizem que nossa indústria tem muitos problemas. Os empresários falam que há muitos gargalos. Sentimos a necessidade de transformar isso em informação científica. Resolvemos fazer uma ampla e irrestrita pesquisa a todos os industriais para que mostrem o que atrapalha o empreendedor atual, quais as potencialidades”, explica.

Com os dados que serão revelados pela pesquisa, o presidente Andrade Junior quer organizar em parceria com entidades públicas o que chama de Plano de Crescimento para a Indústria do Piauí, um documento que busca definir metas para impulsionar a atividade empresarial no e atrair empresas para o Piauí.

O CIEPI também defende a sanção do projeto de lei aprovado pela Assembleia Legislativa do Piauí que cria o Código de Defesa do Contribuinte. “O código estabelece regras. Imagine uma empresa que quer se instalar no estado, e o estado não tem regras bem definidas.  O estado do Ceará por exemplo, já tem o seu em vigência há cinco anos. Aqui a Assembleia já aprovou e estamos buscando colocar em vigor”, afirma Andrade Junior.

Andrade Junior defende que o plano de crescimento possa mudar o panorama do setor no Piauí (Foto: Elias Fontinele / O DIA)

Mudança de nome

Centro das Indústrias do Piauí surgiu em substituição a Associação Industrial do Piauí (AIP), que atuou durante 44 anos. Andrade Junior comenta mudança ocorre não só na nomenclatura da instituição, mas também na forma de atuação junto ao governo e aos empresários.

“No Piauí sempre foi a Associação Industrial do Piauí. A gente percebeu que quando se transforma em Centro das Indústrias, como o Centro das Indústrias do Ceará, o Centro das Indústrias de São Paulo, essa mudança é pelo fato dos centros estarem acobertado pelo sistema da Confederação Nacional das Indústrias”, destaca. 

Por: Otávio Neto

Deixe seu comentário