Cartão Sasc Emergencial começa ser distribuído a partir desta quinta (29)

O valor só poderá ser utilizado para a compra de alimentos e medicamentos

28/07/2021 16:11h

Compartilhar no

O Cartão Sasc Emergencial, lançado pelo governador Wellington Dias nesta quarta-feira (28), pagará R$ 200,00 para famílias carentes do Piauí pelo período de dois meses. O valor que será pago em forma de cartão de crédito só poderá ser utilizado para a compra de alimentos e medicamentos. 

Segundo o governo, serão investidos R$ 6 milhões que beneficiarão cerca de 15 mil famílias que vivem em extrema vulnerabilidade social no Piauí. Os beneficiários são pessoas com renda per capita de até R$178 que não foram contempladas ainda com nenhum auxílio do governo estadual ou federal.


Leia tambémCaixa paga hoje (28) auxílio emergencial a nascidos em outubro 


As famílias beneficiadas já foram previamente selecionadas através do cruzamento de dados envolvendo a base do Cadastro Único e do sistema Sasc Integração, que permitiu a delimitação de um segmento com um maior nível de dificuldade para ser atendido de forma emergencial.

Foto: Divulgação / Ccom

Os municípios começarão a receber os cartões a partir desta quinta-feira (29). O cartão chega bloqueado, com o nome da pessoa beneficiada e a senha de acesso dentro de um envelope. 

O governador Wellington Dias explicou que o governo prepara o lançamento de um programa para levar capacitação para as famílias que receberão o cartão Sasc Emergencial. O objetivo é garantir que essas pessoas consigam oportunidade no mercado de trabalho. 

“Estamos integrados com os municípios, com os movimentos sociais, para que possamos fazer a busca ativa e estender a mão para essas pessoas. Isso estará agregado a um programa que lançaremos para que, além do auxílio, essas pessoas possam ser capacitadas para garantir uma vaga no mercado de trabalho ou para que empreendam. O objetivo é tirar essas pessoas da situação de vulnerabilidade extrema, ofertando a elas novas oportunidades de educação, trabalho e renda”, afirmou o governador Wellington Dias.

Compartilhar no
Fonte: Com informações da Governo do Piauí

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário