• Campanha da Santa Missa
  • Vencer 03
  • Vencer 02
  • Vencer 01
  • Prerrogativas da advogacia
  • Peregrinos da fé
  • Novo app Jornal O Dia

Revisão veicular: como e quando saber o momento certo

Os cuidados devem acontecer periodicamente

26/02/2020 14:32h

A revisão automotiva é essencial para o bom funcionamento de qualquer veículo. Dessa forma, é possível trafegar pelas vias sem se preocupar com as falhas que o carro pode apresentar por falta de cuidados. Em relação a isso, todos os automóveis estão sujeitos, até mesmo o que é usado apenas aos finais de semana.

Nesse quesito, a quilometragem e o tempo de uso -- ou a falta dele -- podem ser considerados no momento. Essas revisões periódicas minimizam o desgaste natural do veículo e, assim, o valor de mercado dele pode seguir próximo ao de quando estava na concessionária. Para isso, o dono precisa comprovar essas idas ao mecânico com as notas fiscais. 

Normalmente, as montadoras costumam oferecer garantias estendidas aos veículos com a condição de que o motorista o leve a concessionárias autorizadas para realizar as revisões periódicas. Caso isso não seja feito, o seguro oferecido poderá ser cancelado. 

Quando fazer revisão no carro?

Assim que se compra um veículo, um manual é entregue. Nele, há todas as informações necessárias sobre aquele modelo e o funcionamento das peças. Durante os testes, os engenheiros propõem uma série de condições adversas e veem qual será o desempenho do carro e como as diversas partes respondem. 

No texto do manual, há as explicações de quando haverá apenas inspeção ou quando a troca de alguma peça precisará ser realizada. Dependendo do plano disponibilizado pela montadora, haverá revisões em que apenas a verificação e eventuais trocas, como a troca de óleo do motor ou lubrificação, serão realizadas. 

O tempo entre cada uma pode ser de seis meses ou dez mil quilômetros, apesar de que essa conta pode variar de acordo com o fabricante. Nesse intervalo de tempo, pode ser que alguns ajustes sejam feitos, por isso é comum o mecânico colocar o carro em um elevador automotivo, para verificar se todas as peças e componentes da parte inferior do veículo estão em pleno funcionamento.

Viagem

Antes de começar uma viagem de carro, é importante fazer uma vistoria veicular especializada, para averiguar o estado de pneus, câmbio, motor e outras diversas partes. Essa etapa é necessária para manter a segurança de todos os passageiros e realizar a viagem sem problemas.

De acordo com concessionárias que administram as vias, as quatro causas mais comuns que fazem os veículos pararem na estrada são superaquecimento do motor, pneu furado, pane elétrica e pane seca. Geralmente, ocorrem mais panes em trechos de serra, com subidas contínuas de 10 km a 20 km que exigem muito do automóvel. 


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas