Escritor Kenard Kruel lança mais um livro: História do Piauí

O novo livro do escritor Kenard Kruel vem em parceria com o seu irmão, Gervásio Santos. História do Piauí trata dos mais remotos moradores da Serra da Capivara até o Piauí republicano do governador Wellington Dias.

01/12/2008 16:11h

Compartilhar no
O bacharel, jornalista, escritor, blogueiro (dos bons!) e ativista cultural piauiense da Parnaíba, Kenard Kruel, prepara-se para lançar mais um compêndio. Dessa vez em parceria com o irmão, professor Gervásio Santos. A fraternidade escriba une-se para trazer à tona, o primeiro grande livro sobre a História do Piauí, aliás, o nome do livro é esse. O que é bastante ousado.

São pequenos capítulos que fazem um resumo sobre o tema central e dão dezenas de referências bibliográficas para que o pesquisador possa aprofundar-se. Desde as nossos primeiros núcleos socias na região da Serra da Capivara que datam de 50 mil anos, pondo o Piauí como detentor do homem mais antigo das Américas - destruindo as teorias vigentes de colonização deste pedaço de chão; até os mais recentes fatos do Piauí republicano do governador Wellington Dias. Um calhamaço que pretende estar nas carteiras escolares de alunos da rede pública e privada de ensino para ser a referência como livro didático que lança uma luz profunda sobre nossas comprovações históricas.

Kenard mantém um blog sobre literatura e artes em geral que é uma graça. Volumoso em suas atualizações e sempre trazendo suas antenações sobre temas diversos e pertinentes desta sociedade mutante. Veterano das redações, Kenard é um lutador incansável pelo desenvolvimento cultural piauiense e suas organizações enquanto entidades da sociedade civil. Está na diretoria de várias. É ex-presidente de outras tantas. Esteve a frente de momentos gloriosos quando foi presidente do Sindicato dos Jornalistas, atualmente preside o Sindicato do Escritores no Piauí.

O Urso Hibernador
- um de seus codinomes - é um semi-recluso. Passa a maior parte do tempo em sua Kenard Kaverna preparando vários livros ao mesmo tempo. Uns para si e outros de encomenda. Brevemente traz a história polêmica de um dos governadores que mais deixou rastro na história jornalística. Anos de chumbo. A biografia autorizada de Eurípedes de Aguiar revela várias situações que ainda estão no limbo embaçado da história no princípio do século passado.

A editora Zodíaco - de sua propriedade - prepara mais lançamentos de outros escritores. Já os seus tem grande sucesso. Pela internet e aqui vale parêntesis: (é incrível como ele dominou em pouco tempo os macetes da informática. Detalhe: pra variar, com seu autodidatismo); vende em média 20 livros por dia, principalmente o seu mais recente sucesso, Torquato Neto ou a Carne Seca é Servida que vai para a 4ª edição.

Tenho orgulho de fazer parte de sua plêiade de bons amigos. É uma delícia as tardes de papos sem fim acompanhados de um bom peixe ou outras iguarias das mais finas. Projetos tem para todas as áreas e está envolvido em uma porção ao mesmo tempo e, incrivelmente, acaba dando conta de tudo. O seu sagaz bom-humor vai temperando os dias com graça e alegria.Parabéns velho Urso, o Piauí marca mais um ponto com sua prestimosa dedicação e inteligência.
Compartilhar no
Fonte: Willian Tito
Edição: Portal O Dia
Por: Portal O Dia

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário

Tags: