Ciro Nogueira

Conheça o senador Ciro Nogueira.

02/11/2020 13:17h - Atualizado em 03/11/2020 10:45h

Compartilhar no

Ciro Nogueira Lima Filho nasceu a 21 de novembro de 1968 em Teresina. Em 1992, se formou em Direito pela PUC do Rio de Janeiro e em 1993, se casou com a deputada federal Iracema Portella, com quem teve duas filhas: Eliane e Maria Eduarda.

Dois anos depois, em 1995, assumiu seu primeiro mandato como deputado federal pelo Piauí, iniciando sua vida política. Foi reeleito deputado federal por mais três vezes e se filiou em 2003 ao Progressistas (PP), partido do qual hoje é presidente nacional.

Em 2005, Ciro Nogueira foi eleito segundo vice-presidente da Câmara dos Deputados e assumiu a função de Corregedor da Casa. Eleito senador da República em 2011, assumiu a presidência da Frente Parlamentar dos Advogados no Senado.  Em 2018, após se reeleger senador, Ciro também foi reeleito pela terceira vez presidente do Progressistas e escolhido pela Confederação Nacional dos Municípios como o piauiense mais atuante no Senado em favor dos municípios. 


Senador Ciro Nogueira - Foto: Assis Fernandes/O Dia

Atualmente, o nome de Ciro Nogueira consta na lista dos cem parlamentares mais influentes do Congresso Nacional. Em 2020 participou ativamente da indicação do desembargador piauiense Kássio Nunes Marques à vaga no Supremo Tribunal Federal para assumir a vaga deixada pelo ex- ministro Celso de Mello.

Atuação

Em sete anos de mandato no Senado Federal, Ciro Nogueira foi relator de 169 projetos e apresentou 179 proposições. O parlamentar já teve nove projetos aprovados e encaminhados à Câmara dos Deputados. A atuação no Legislativo também acontece nas comissões temáticas, conselhos e frentes parlamentares. Atualmente, Ciro é titular de 14 comissões e suplente em uma. 

É membro ainda do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, do Conselho do Diploma Mulher Cidadã Bertha Luz e do Conselho do Diploma José Emírio de Moraes. O senador atua em 11 frentes parlamentares e em sete grupos parlamentares, sendo presidente do Grupo Brasileiro da União Interparlamentar.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Da Redação

Deixe seu comentário