Padre Marcelo Rossi reza a missa de Hebe: 'Ela era uma mãe para mim'

Enterro foi atrasado em uma hora para que ele pudesse prestar última homenagem à apresentadora

30/09/2012 08:39h

Compartilhar no

Começou por volta das 7h40 os preparativos para a missa de corpo presente da apresentadora Hebe Camargo. Integrantes da equipe de padre Marcelo Rossi chegaram por volta deste horário, no domingo, 30, ao Palácio dos Bandeirantes, sede do governo de São Paulo, onde o corpo da apresentadora está sendo velado, para dar início aos trâmites da cerimônia, marcada para as 9h. O enterro será às 10h30.

Logo em seguida foi a vez do padre Marcelo Rossi chegar ao local. O horário do enterro de Hebe Camargo foi atrasado para que ele pudesse rezar a missa de corpo presente da apresentadora. Inicialmente, o horário marcado era 9h30.

"Vai ser uma missa dedicada à Nossa Senhora, como ela queria. A Hebe fez uma capela na casa dela, e na segunda (dia 24) fiz uma missa para ela lá. A família me pediu para fazer a mesma missa aqui. Ela era como uma mãe para mim", disse o padre que fez questão de realizar a cerimônia como uma última homenagem à apresentadora.

Padre Marcelo Rossi ao lado do caixão de Hebe Camargo (Foto: Rogério Lacanna/ EGO)

Morte aos 83 anos

A apresentadora morreu aos 83 anos na manhã deste sábado em casa, vítima de uma parada cardíaca. Ela descobriu em janeiro de 2010 que tinha um câncer no peritônio (membrana que reveste os órgãos da região abdominal) e desde então lutava contra a doença.

No dia 8 de março do mesmo ano, data em que completou 81 anos, Hebe voltou ao trabalho apresentando seu programa na época ainda no SBT. No mês seguinte, a assessoria de imprensa da apresentadora divulgou comunicado em que dizia que não havia mais vestígios da doença em seu corpo.

Em 12 de março de 2012, Hebe foi internada no hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde passou por uma cirurgia de emergência para retirada de um tumor em seu intestino. Realizado com sucesso o procedimento, ela não teve de se submeter a mais sessões de quimioterapia.

Pouco mais de um mês após o procedimento, Hebe voltou a gravar seu programa, em 23 de abril. Como sempre, demonstrou seu bom humor e sua vitalidade. "A cicatriz (da operação) é enorme, mas não senti um dia de dor. Não pensei nem um minuto em morte. Nem quando fui para a mesa de cirurgia. Mesmo porque eu estava dopada. Acho uma maravilha, a gente não sabe o que eles vão fazer, se vamos sair grávidas lá de dentro... Aí depois eu acordei grogue, pena que não era de vodca".

Eliana se emocionou muito ao dar o último adeus a Hebe Camargo, nesse sábado, dia 29 (Foto: Thais Aline e Danilo Carvalho /AgNews)

Fábio Jr. não segurou as lágrima e foi consolado pela filha Tainá Galvão (Foto: Thais Aline e Danilo Carvalho /AgNews)

Durante o velório de Hebe Camargo, realizado em São Paulo, Silvio Santos se despediu da apresentadora com um beijo (Foto: Fernando Borges/Terra)

Sem falar com a imprensa na chegada, Silvio Santos surpreendeu no último adeus a Hebe (Foto: Fernando Borges/Terra)

"Quero dizer que ela vai fazer muita falta, não só na TV brasileira, mas principalmente no Teleton", surpreendeu Silvio Santos no velório de Hebe Camargo, neste sábado (Foto: Fernando Borges/Terra)

Abatido, Roberto Carlos compareceu ao velório de Hebe Camargo (Foto: Fernando Borges/Terra)

Gabriel Chalita, candidato a prefeitura da cidade de São Paulo, também compareceu ao velório de Hebe Camargo (Foto: Fernando Borges/Terra)

"Agora que a Hebe está indo se encontrar com Deus, eu espero que vocês prestem uma última homenagem à Hebe. Prestem essa homenagem no dia do Teleton", completou o apresentador do SBT, pedindo contribuições à campanha em prol das crianças da AACD (Foto: Fernando Borges/Terra)

Tom Cavalcante conversou com Marcello Camargo, filho da apresentadora (Foto: Fernando Borges/Terra)

Compartilhar no
Fonte: Gabriela Pestana / EGO

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas