Deputados debatem a falta de investimentos em saneamento em Teresina

Deputados debatem a falta de investimentos em saneamento em Teresina

09/04/2019 14:15h

Compartilhar no

 

O deputado Franzé Silva (PT) utilizou o tempo dos pequenos avisos para destacar a visita feita por comissão de deputados ao bairro Parque Rodoviário . Segundo ele, a decisão da Assembleia Legislativa em destinar emendas à Igreja para reestabelecer as casas e perdas das famílias foi a mais acertado possível. “Se fôssemos destinar as emendas ao Poder Público as licitações iriam demorar muito”, disse. Frazé também pediu uma audiência com o Governador Wellington Dias e o Prefeito de Teresina, Firmino Filho, para que a reconstrução das casas seja agilizada e disse que as críticas que faz à Teresina são construtivas e que a cidade precisa melhorar a questão da drenagem urgentemente. Outro pedido feito pelo parlamentar é que o Prefeito da Capital tenham sensibilidade para resolver a questão dos trabalhadores da região do Ginásio Verdão. O deputado disse que o Governo está disposto a compensar com outra área a desapropriação.
Em resposta o deputado Evaldo Gomes (SD) pediu a compreensão do deputado Franzé Silva e explicou que a Prefeitura precisa de apoio do Governo Federal e Estadual para resolver a problemática da drenagem na capital e que, a questão do Verdão requer uma discussão mais aprofundada por envolve famílias que dependem dos trabalhadores dali. Evaldo Gomes também disse que conversou com o prefeito da cidade de Luzilândia e pediu atenção do Governo com as famílias que perderam tudo no município.
A deputado Janaína Marques (PTB) disse que em Luzilândia 32 famílias estão desabrigadas e mais de 100 foram afetadas pela cheia do Rio Parnaíba. Ela destacou que o momento é de solidariedade e agradeceu ao Governo Estadual, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil o apoio às prefeituras das cidades afetadas.
Henrique Pires (MDB) – o deputado também entrou na discussão sobre a drenagem de Teresina e disse que esse tipo de obra requer um volume maior de recursos. Ele também lembrou que, quando ocupou a Secretaria Nacional do Ministério das Cidades conseguiu destravar os recursos para as obras das galerias da zona leste da capital. Ele destacou que o senador Marcelo Castro (MDB) foi indicado como presidente da Comissão de Orçamento no Senado, e que isso pode ajudar ainda mais na liberação de recursos para o Estado. Pires também disse que no dia 17 de abril acontecerá audiência pública para discutir a falta de médicos nos municípios após a saída dos médicos do Programa Mais Médicos.
Francisco Limma (PT) – o deputado destacou a Semana de Educação Ambiental e Fiscalização para preservação do ambiente apícola que está acontecendo em Picos, evento que conscientiza a população sobre uso de venenos agrícolas.
Gustavo Neiva (PSB) – o deputado cobrou do Governo do Estado a regularização do transporte escolar. Em São Francisco do Piauí os alunos divulgaram uma carta aberta exigindo o direito a educação.
Dr. Hélio (PR) – disse que se reuniu com empresários que tem investimentos no litoral do Piauí e eles denunciaram as altas tacas cobradas pela Prefeitura de Luís Correia em impostos. O deputado pediu que o poder municipal reveja essa situação que já está afastando muitos investimentos na região.

O deputado Franzé Silva (PT) utilizou o tempo dos pequenos avisos para destacar a visita feita por comissão de deputados ao bairro Parque Rodoviário. Segundo ele, a decisão da Assembleia Legislativa em destinar emendas à Igreja Católica para reestabelecer as casas e as perdas das famílias foi a mais acertada possível. “Se fôssemos destinar as emendas ao Poder Público as licitações iriam demorar muito”, disse.

Frazé também pediu uma audiência com o governador Wellington Dias e o prefeito de Teresina, Firmino Filho, para que a reconstrução das casas seja agilizada. O deputado disse que as críticas que faz à Teresina são construtivas e que a cidade precisa melhorar a questão da drenagem urgentemente.

Outro pedido feito pelo parlamentar petista é que o prefeito de Teresina tenha a sensibilidade para resolver a questão dos trabalhadores que vievem da venda de veículos na região do Ginásio Verdão. O deputado disse que o governo está disposto a compensar com outra área a desapropriação.

Em resposta, o deputado Evaldo Gomes (SD) pediu a compreensão do deputado Franzé Silva e explicou que a prefeitura precisa de apoio do governo federal e estadual para resolver o problema da drenagem na capital e que a questão do Verdão requer uma discussão mais aprofundada, envolvendo os pais de família que dependem dos trabalho naquela área.

Evaldo Gomes também disse que conversou com o prefeito da cidade de Luzilândia, Ronaldo Gomes, e pediu atenção do governo para socorrer as famílias que perderam tudo no município.


A deputada Janaína Marques (PTB) disse que em Luzilândia são 32 famílias desabrigadas e mais de 100 foram afetadas pela cheia do Rio Parnaíba.

A deputada destacou que o momento é de solidariedade e agradeceu ao governo estadual, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil, o apoio às prefeituras das cidades afetadas.

O deputado Henrique Pires (MDB) também entrou na discussão sobre a drenagem de Teresina e disse que esse tipo de obra requer um volume maior de recursos.

O deputado lembrou que, quando ocupou a Secretaria Nacional do Ministério das Cidades, conseguiu destravar os recursos para as obras das galerias da zona leste da capital. E destacou que o senador Marcelo Castro (MDB) foi indicado como presidente da Comissão de Orçamento no Senado e que isso pode ajudar ainda mais na liberação de recursos para o Piauí.

Pires também disse que no dia 17 de abril, acontecerá audiência pública para discutir a falta de médicos nos municípios após a saída dos médicos cubanos do Programa Mais Médicos.

O líder do Governo, deputado Francisco Limma (PT), destacou a Semana de Educação Ambiental e Fiscalização para preservação do ambiente apícola que está acontecendo em Picos, evento que conscientiza a população sobre uso correto dos venenos agrícolas.

O deputado Gustavo Neiva (PSB) cobrou do Governo do Estado a regularização do transporte escolar. Em São Francisco do Piauí os alunos divulgaram uma carta aberta exigindo o direito a educação.

Já  o deputado Dr. Hélio Oliveira (PR) disse que se reuniu com empresários que tem investimentos no litoral do Piauí e eles denunciaram as altas tacas cobradas pela Prefeitura de Luís Correia em impostos. O deputado pediu que o poder municipal reveja essa situação que já está afastando muitos investimentos na região.

 

Laryssa Saldanha - Edição: Katya D'Angelles

 


Fonte: Alepi
Compartilhar no
Fonte: Alepi

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas