Deputado diz que Ceapi voltou ao controle do Estado

Deputado diz que Ceapi voltou ao controle do Estado

26/06/2017 12:15h

Compartilhar no

 

 
O deputado Gustavo Neiva, líder do PSB, disse hoje (26) que o magistrado Haroldo Rehen, do Tribunal de Justiça do Piauí, suspendeu na semana passada o processo licitatório que resultou na transformação da Central de Abastecimento do Piauí (Ceapi), a antiga Ceasa, em uma Parceria Pública Privada.
 
Ao mesmo tempo ele cobrou do governo estadual a retomada do controle do empreendimento com o consequente pagamento dos salários atrasados desde maio e dos direitos trabalhistas para aqueles que optaram pelo desligamento.
 
“Os trabalhadores da Ceapi fizeram uma manifestação na manhã de hoje para cobrar os salários atrasados e as verbas rescisórias. O que se espera agora é que o governo cumpra a decisão judicial e pague as suas dívidas. A arrecadação da Ceapi chega a R$ 500 mil por mês e com o retorno do controle ao Estado esperamos que as dívidas sejam quitadas”, disse.
 
Durvalino Leal

 O deputado Gustavo Neiva, líder do PSB, disse hoje (26) que o magistrado Haroldo Rehen, do Tribunal de Justiça do Piauí, suspendeu na semana passada o processo licitatório que resultou na transformação da Central de Abastecimento do Piauí (Ceapi), a antiga Ceasa, em uma Parceria Pública Privada.


 Ao mesmo tempo ele cobrou do governo estadual a retomada do controle do empreendimento com o consequente pagamento dos salários atrasados desde maio e dos direitos trabalhistas para aqueles que optaram pelo desligamento.


“Os trabalhadores da Ceapi fizeram uma manifestação na manhã de hoje para cobrar os salários atrasados e as verbas rescisórias. O que se espera agora é que o governo cumpra a decisão judicial e pague as suas dívidas. A arrecadação da Ceapi chega a R$ 500 mil por mês e com o retorno do controle ao Estado esperamos que as dívidas sejam quitadas”, disse.

 

 

Durvalino Leal - Edição: Caio Bruno

 


Fonte: Alepi
Compartilhar no
Fonte: Alepi

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas